Esporte

Hart perpetua tradição de goleiros ingleses trapalhões

27/06/2016 19h52

Paris, 27 Jun 2016 (AFP) - Com o frangaço que levou na derrota histórica por 2 a 1 para a Islândia nas oitavas de final da Eurocopa, Joe Hart mostrou-se digno da tradição dos goleiros ingleses que colecionam falhas em série.

Aos 18 minutos de jogo, o goleiro do Manchester City aceitou um chute despretensioso de Sigthorsson, deixado a modesta seleção nórdica garantir a virada.

"Não fomos bem e eu me incluo nisso. Não foi uma questão de motivação, não havia alguém que desejasse mais a classificação do que nós", lamentou.

Hart se junta à lista pouco gloriosa de James, Robinson e Carson, autores de lambanças memoráveis em momentos-chave.

O mais famoso deles é David "Calamity" James, que também defendeu o City, depois de uma longa passagem no Liverpool.

James foi promovido a titular da seleção inglesa depois da Copa do Mundo de 2002, no lugar de David Seaman. O ex-goleiro do Arsenal que ficou marcado por ter levado um gol por cobertura contra o Brasil nas quartas de final (2-1) após avaliar mal a trajetória da cobrança de falta de Ronaldinho Gaúcho.

James substituiu Seaman, e também cometeu um erro monumental em setembro de 2004, no empate em 2 a 2 com a Áustria.

Paul Robinson herdou da vaga a levou um frangaço contra a Croácia (2-0), em 2006, depois de um recuo de um zagueiro.

Um ano depois, contra a mesma Croácia (3-2), foi a vez Scott Carson ser ridicularizado. A falha custou à Inglaterra a vaga para a Eurocopa de 2008.

A próxima vítima da sina inglesa foi Robert Green, que errou feio na estreia inglesa contra os Estados Unidos (1-1) na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

Os lendários Gordon Banks e Peter Shilton, que mostraram muito mais segurança no passado, ainda aguardam um sucessor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo