Esporte

Técnico do País de Gales 'extremamente orgulhoso' apesar da eliminação na Euro

06/07/2016 20h48

Décines-Charpieu, França, 6 Jul 2016 (AFP) - "Estou extremamente orgulhoso do que meus jogadores fizeram", garantiu nesta quarta-feira o técnico do País de Gales, Chris Coleman, apesar da eliminação na semifinal da Eurocopa, com derrota por 2 a 0 para Portugal.

-Como você analisa a partida?

"Eu sabia que o primeiro gol seria crucial. Durante o primeiro tempo, o jogo foi bastante parelho, não havia uma grande diferença entre as duas equipes. Mas nunca conseguimos encontrar nosso ritmo quando tínhamos a bola. Temos que elogiar Portugal, que defendeu bem, que cedeu poucos espaços. Tivemos dificuldade para abrir o jogo. Faltou concentração durante cinco minuto e sabemos que quando isso acontece nesta altura da competição, contra uma equipe como essa, o preço pode ser alto. Parabéns para Portugal, espero que ganhe a final".

-Como você avalia o desempenho de Bale?

"Bale é um ser humano como os outros, ele deu tudo para tentar nos colocar de volta na partida. Às vezes, não temos necessariamente o que merecemos pelo nosso estilo de jogo, mas hoje temos que olhar par ao adversário e reconhecer que jogou muito bem. Dificilmente poderíamos ter dado mais. Acho que deixaram tudo em campo. Não estivemos à altura, não é a última vez que vai acontecer, mas seria ridículo criticar os jogadores, acho que eles foram maravilhosos".

-Que balanço você faz do percurso da sua equipe?

"Estou extremamente orgulhoso do que os jogadores fizeram. Mal consigo encontrar palavras para descrever isso. Já foi um grande feito chegar às semifinais. O único jogo que não conseguimos controlar foi contra a Inglaterra (derrota de virada por 2 a 1, na fase de grupos). Não conseguimos mostrar nossa identidade. Nossa participação está encerrada, mas não é um fim de ciclo. O jogo de hoje foi um obstáculo que não conseguimos superar, mas já superamos outros antes. Foi uma experiência incrível. Passamos seis a sete semanas juntos, mantendo uma atitude muito positiva.

-Como você vê o futuro da seleção galesa?

"Temos que manter essa atitude na próxima campanha de eliminatórias. Estou muito orgulhoso dessa equipe, porque sei de todos os sacrifícios que os jogadores fizeram. Tenho certeza que terão uma boa acolhida em Cardiff, porque merecem. Havia uma espécie de bloqueio psicológico, porque não disputávamos um grande torneio há muito tempo. Mas vivemos uma experiência excepcional e vamos fazer de tudo para que aconteça de novo. Acho que somos bons o bastante, mas temos que manter essa atitude positiva para nos classificar para a Copa do Mundo".

Declarações colhidas em entrevista coletiva.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo