Esporte

Marc Wilmots não é mais técnico da seleção belga

15/07/2016 10h54

Bruxelas, 15 Jul 2016 (AFP) - O ex-atacante Marc Wilmots deixou de ser técnico da seleção belga, depois de acertar sua saída com a federação de futebol do país, anunciou nesta sexta-feira o presidente da entidade, François De Keesmaecker.

"As metas estabelecidas para a Eurocopa não foram alcançadas", justificou o dirigente, referindo-se à eliminação nas quartas de final do torneio continental, com derrota de virada por 3 a 1 para o surpreendente País de Gales.

"Precisamos de um novo impulso. Temos a vontade de dar um novo salto de qualidade à nossa seleção. Este grupo pode conseguir resultados melhores em grandes torneios", lamentou De Keesmaecker.

Com a geração dourada liderada por jovens craques como Kevin De Bruyne ou Eden Hazard, os 'Diabos Vermelhos' também caíram nas quartas de final da Copa do Mundo no Brasil, com derrota por 1 a 0 para a Argentina.

Em 51 jogos à frente da seleção belga, Wilmots teve retrospecto de 34 vitórias, 8 empates e nove derrotas.

Seu sucessor ainda não foi revelado, mas o próximo desafio será um amistoso contra a Espanha, no dia 1º de setembro.

A 'Roja' tambpem busca um novo treinador, depois da saída de Vicente Del Bosque.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo