Esporte

Reanálises de amostras de Jogos de Pequim e Londres revelam 45 novos casos de doping (COI)

22/07/2016 08h26

Lausana, Suíça, 22 Jul 2016 (AFP) - Uma segunda série de reanálises realizadas em amostras dos Jogos Olímpicos de Pequim-2008 e Londres-2012 revelou a presença de substâncias proibidas em 45 casos, anunciou nesta sexta-feira o Comitê Olímpico Internacional.

Estes 45 novos casos (30 atletas de Pequim e 15 de Londres) se somam aos 53 casos descobertos na primeira série de reanálises. Uma terceira e uma quarta série estão previstas durante os Jogos Olímpicos do Rio, disse o COI.

Dos 30 casos positivos de Pequim-2008, 23 correspondem a atletas que conquistaram medalhas na capital da China, em quatro modalidades diferentes, procedentes de oito países.

Quanto aos 15 positivos de Londres, representam nove países em dois esportes diferentes.

No total, o COI realizou uma contra-análise de 1.243 amostras extraídas em 2008 e 2012, graças a novos métodos científicos que permitem obter novos dados sobre o doping.

Os atletas que ainda estiverem na ativa serão excluídos das competições dos Jogos do Rio, enquanto os demais terão seus resultados anulados.

Em maio o COI havia divulgado a descoberta de 30 casos positivos em Pequim e 23 em Londres após a primeira série de reanálises.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo