Esporte

Bauza 'otimista' com retorno de Messi à seleção argentina

02/08/2016 13h32

Buenos Aires, 2 Ago 2016 (AFP) - O novo técnico da seleção argentina, Edgardo Bauza, que teve sua saída do São Paulo confirmada na segunda-feira, deixou claro que está otimista com a perspectiva de convencer Lionel Messi a voltar a defender a 'albiceleste'.

O craque do Barcelona tinha anunciado no fim de junho que não pretendia mais jogar pela seleção do seu país depois de amargar mais um vice-campeonato, com a derrota nos pênaltis para o Chile na final da Copa América do Centenário, nos Estados Unidos.

"Estou otimista em relação a Messi. Tomara que a conversa que terei com ele contribua para que ela continue com a seleção. Quero explicar a Messi qual é minha ideia, disse Bauza ao canal Fox Sports.

Bauza disse que ainda não teve contato "com Messi ou nenhum dos seus familiares", mas pretende viajar em breve para se encontrar com o jogador.

"A ideia é viajar (a Barcelona) e bater um papo com Messi. Não tem que convencer Messi de nada, a ideia é conversar sobre futebol", enfatizou.

Além de garantir o retorno do craque, o outro grande desafio de 'Patón' é classificar a Argentina para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

Os próximos jogos das eliminatórias estão marcados para os dias 1 e 6 de setembro, com o clássico contra o Uruguai, em casa, antes de encarar a Venezuela fora.

Precisamos fazer a convocação dentro de 15 dias, para a partida contra o Uruguai. Não temos muito tempo", alertou o treinador, que conquistou dois títulos da Libertadores, com a LDU, em 2008, e o San Lorenzo, em 2014.

"Sou daqueles que pensam que todos precisam atacar e defender. O futebol é assim. O certo é que é mais fácil quando você tem jogadores da qualidade da seleção argentina. Eles oferecem muitas variantes", analisou.

Bauza também antecipou a provável convocação do atacante Gonzalo Higuaín, considerado o 'vilão' dos vice-campeonatos na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, e das últimas edições da Copa América, por desperdiçar grandes chances de gol nas finais.

"Ele certamente estará na lista. É um jogador muito efetivo, e não chegou à Juventus a toa", argumentou. Artilheiro da última temporada do Campeonato Italiano com 36 gols marcados com o Napoli, um recorde, Higuaín foi contratado por mais de 90 milhões de euros pela Juve, tornando-se o terceiro jogador mais caro da história.

O novo treinador não descartou chamar de Carlos Tévez, que ficou fora das últimas convocações do seu predecessor, Gerardo 'Tata' Martino. "Tévez tem jogado com nível de seleção e tem totais condições de ser convocado", garantiu Bauza.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo