Esporte

Técnico queniano do atletismo excluído do Rio-2016 por violar regra antidoping

11/08/2016 21h18

Rio de Janeiro, 11 Ago 2016 (AFP) - Um técnico da Federação Queniana de Atletismo foi excluído dos Jogos do Rio e enviado de volta ao seu país por violar as regras antidoping, anunciou nesta quinta-feira o Comitê Olímpico Internacional (COI).

"Tomamos nota da decisão do Comitê Olímpico Queniano de enviar para casa seu treinador de atletismo por violação das regras antidoping", declarou o COI em um comunicado.

"Agradecemos ao Comitê Olímpico Queniano por sua rápida decisão. O COI instalou imediatamente uma comissão disciplinar com o objetivo de investigar o treinador e o atleta envolvidos".

Segundo o Daily Telegraph, o técnico John Anzrah se apresentou no lugar de um dos seus atletas para um controle antidoping, entregando, inclusive, um exame de urina e assinando documentos em nome do atleta. A fraude foi descoberta com a verificação das fotos de identidade.

O nome do atleta não foi divulgado, nem se será excluído dos Jogos.

Outro membro da equipe de atletismo, Michael Rotich, foi chamado de volta ao Quênia após ser acusado de pedir dinheiro a jornalistas que se fizeram passar por agentes de atletas.

Rotich solicitava suborno em troca de informações sobre os controles antidoping previstos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo