Esporte

Atletismo começa com recorde mundial e arquibancadas vazias

12/08/2016 16h24

Rio de Janeiro, 12 Ago 2016 (AFP) - A sessão da manhã do primeiro dia do atletismo nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro foi marcada pela disputa da primeira medalha de ouro da modalidade, com direito a recorde mundial, mas também com as arquibancadas com muitos lugares vazios.

Mas o cartão de visitas do principal esporte dos Jogos Olímpicos não poderia ser melhor: a etíope Almaz Ayana conquistou a primeira medalha de ouro do atletismo da Rio-2016, com direito a novo recorde mundial, na prova dos 10.000 metros.

A atleta de 24 anos, campeã mundial da prova em Pequim-2015, assumiu a liderança no meio da prova e não perdeu o ritmo para completar a distância com o tempo espetacular dee 29 minutos, 17 segundos e 42 centésimos.

A queniana Vivian Jepkemoi Cheruiyot (29:32.53) levou a medalha de prata. A queniana Tirunesh Dibaba (29:42.56), uma das favoritas da prova e campeã em Londres-2012, ficou desta vez com o bronze.

O novo recorde mundial de Ayana é 14 segundos mais rápido que a marca anterior, que havia sido estabelecida em 1993 pela chinesa Wang Junxia (29:31.78).

"Isto significa muito para mim. Deus me colocou aqui. É uma conquista gigante para mim", disse a campeã.

"Conseguir este recorde é um sonho que virou realidade. Nunca pensei que isto poderia acontecer e estou surpresa. Muito feliz de ter superado", completou.

BrasileirosApesar de pequena, a torcida que compareceu ao Engenhão na manhã desta sexta-feira e encarou a chuva fina deu todo o apoio aos atletas brasileiros.

Geisa Arcanjo avançou para a final do arremesso de peso, que acontecerá nesta sexta-feira à noite, ao registrar a marca de 18,27 metros no Grupo B da fase classificatória.

Para avançar era necessário um arremesso de 18,40 metros ou ficar entre as 12 melhores dos Grupos A e B reunidos. Com os 18,27 m, a paulista de 24 anos obteve seu melhor resultado no ano e a sétima melhor marca entre as classificadas.

Geisa foi finalista da prova em Londres-2012, quando terminou a competição em sétimo lugar.

Kleberson Davide conseguiu avançar para as semifinais da prova dos 800 m.

O paulista de 31 anos terminou a primeira série eliminatória em quarto lugar, com o tempo de 1:46.14.

Os três primeiros das sete eliminatórias avançavam automaticamente, além dos três melhores tempo no geral, critério que garantiu a vaga do brasileiro na próxima fase.

O outro brasileiro na prova, Lutimar Paes, completou a terceira série eliminatória com o tempo de 1:48.38, na sétima posição, e foi eliminado.

Tatiele Roberta de Carvalho completou a prova dos 10.000 metros na 31ª posição, com o tempo de 32:38.21.

A primeira atleta brasileira a competir nos Jogos do Rio foi Vanessa Spínola, do heptatlo.

A paulista de 26 anos disputou a primeira série dos 100 metros com barreira do heptatlo e depois o salto em altura. A competição prossegue durante a noite.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo