Esporte

Van Niekerk derruba recorde de Michael Johnson e leva ouro nos 400 m

14/08/2016 23h51

Rio de Janeiro, 15 Ago 2016 (AFP) - O sul-africano Wayde Van Niekerk chocou o mundo ao vencer a prova dos 400 m dos Jogos do Rio com tempo inacreditável de 43 segundos e 03 centésimos, quebrando o recorde histórico do lendário Michael Johnson, que não era batido há 17 anos (43.18).

O atleta de 24 anos deixou para trás os dois últimos campeões olímpicos: o granadino Kirani James, ouro em Londres-2012, teve que se contentar com a prata (43.76) e o bronze foi para o americano Lashawn Merritt (43.85), que havia levado a melhor em Pequim-2008.

Correndo na raia 8, Van Niekerk passou quase desapercebido, quando todos pensavam que o título seria decidido entre James e Merritt, que estavam lado a lado, nas raias 5 e 6, mas surpreendeu a todos ao aparecer com enorme vantagem depois da última curva.

Quando viu que tinha quebrado a marca mítica de Michael Johnson, o sul-africano teve uma reação bastante sóbria. Nem parecia que tinha colocado seu nome para sempre na história do atletismo.

"Eu acreditava no recorde mundial. Venho sonhando com essa medalha desde sempre", comentou o sul-africano.

"Wayde está de parabéns. Estou feliz por ter feito parte dessa corrida histórica. Normalmente, desaceleramos na reta final, mas com ele não aconteceu nada disso", reagiu Kirani James.

Johnson correu os 400 m em 43.18 no Mundial de Sevilla, no dia 19 de agosto de 2009, estabelecendo uma das marcas mais duradouras do esporte.

Foi o segundo recorde mundial batido na pista do Engenhão desde o início das provas de atletismo do Rio. Na sexta-feira, primeiro dia de competição, a etíope Almaz Ayana já havia sido a mais rápida 10.000 m (29:17.45).

O único azar de Van Niekerk é que sua façanha monumental acabou sendo um tanto ofuscada pela final dos 100 m, que aconteceu poucos minutos depois, com o tricampeonato inédito do superastro Usain Bolt.

Na verdade, os dois se conhecem muito bem, já que o sul-africano participou de treinos com a equipe no Jamaicano em abril.

- 'Coisa de louco' -A prova dos 400 m rasos é uma das mais difíceis do atletismo, principalmente nos últimos 100 m, quando costuma faltar gás para terminar a 100%.

Mas o novo campeão olímpico é um verdadeiro fenômeno. Ele se tornou o único atleta da história a correr 100 m em menos de dez segundos (9.98, neste ano), 200 m em menos de 20 (19.94, em 2015) e agora 400 m abaixo de 44 segundos.

Logo depois da prova, Michael Johnson mal conseguia esconder o espanto.

"Nunca vi coisa igual. É coisa de louco. Ele pode correr abaixo dos 43 segundos. Eu tentei, mas nunca consegui", declarou o americano, que é comentarista da BBC.

Dono de quatro ouros olímpicos e oito títulos mundiais, Johnson também destacou que Van Niekerk fez "uma verdadeira corrida contra o tempo, longe de James e Merritt", o que torna a façanha ainda mais impressionante.

A prova dos 400 m está revelando campeões muito jovens. Há quatro anos, James se sagrou campeão olímpico com apenas 19 anos de idade. No anterior, ele já havia conquistado o título mundial, em Daegu.

Machel Cedenio, de 20 anos, terminou à beira do pódio nesta sexta-feira, em quarto lugar, com tempo de 44.01.

Mais novo ainda, o bostuanês Karabo Sibanda chegou em quinto (44.25), mesmo tendo largado na raia 1.

Mas Van Niekerk mostrou muito bem que a raia não faz o campeão, ao assombrar o atletismo com um recorde de outro planeta, mesmo correndo pelas beiradas.

Na natação, o cazaque Dmitriy Balandin também surpreendeu a todos ao sair da raia oito para se tornar campeão olímpico dos 200 m peito no Rio.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo