Esporte

Alison e Bruno vencem jogo dramático e avançam à final do vôlei de praia

16/08/2016 23h59

Rio de Janeiro, 17 Ago 2016 (AFP) - Em jogaço com suspense de tirar o fôlego, Alison e Bruno Schmidt garantiram vaga na grande final do vôlei de praia dos Jogos do Rio, nesta terça-feira, ao derrotar os holandeses Alexander Brouwer e Robert Meeuwsen por 2 sets a 1, com parciais de 21-17, 21-23 e 16-14.

Depois de um primeiro set amplamente dominado, os brasileiros quase entregaram o ouro, desperdiçando três 'match points' no segundo set, mas souberam colocar a cabeça no lugar para fechar no tie-break.

Bruno e 'Mamute' já garantiram ao menos a medalha de prata, mas desejam conquistar mais um ouro para o Brasil na Olimpíada em casa na quinta-feira, na decisão contra os italianos Lupo e Nicolai, que derrotaram os russos Krasilnikov e Semenov de virada em três sets (15-21, 21-16, 15-13).

Na verdade, o ouro no vôlei de praia pode vir até mais cedo, logo na quarta-feira, desde que Ágata e Bárbara também avancem para a decisão. Para isso, terão a difícil missão de derrotar as atuais campeãs olímpicas Walsh e Ross na semifinal, na noite desta terça-feira.

Mais cedo, Larissa e Talita perderam para as alemãs Laura Ludwig e Kira Walkenhorst, dupla número 1 do mundo, e terão que disputar o bronze.

Alison e Bruno entraram em quadra logo depois da derrota das meninas, mas a torcida não desanimou. Aos gritos de "Ma-mu-te", o público foi empurrando a dupla brasileira para a vitória.

- Chances desperdiçadas -Com esse incentivo todo, os donos da casa começaram mais ligados no jogo, e não demoraram a abrir boa vantagem, com Alison monstruoso no bloqueio.

Além de subir como um paredão para cima dos adversários, 'Mamute' também era letal nas cortadas. Depois de um foguete para abrir vantagem de 10-7, o capixaba levantou os braços para pedir ainda mais vibração da torcida e foi logo atendido.

Com o público incendiado e o gigante imparável, bastou administrar a vantagem para fechar a parcial com tranquilidade, em 21-17, depois de vinte minutos de jogo.

O segundo set foi bem mais equilibrado, com os holandeses virando melhor as bolas e encontrando brechas para contornar o bloqueio de Alison.

Com disputa acirrada por cada ponto, 'Mamute' caiu um pouco de rendimento e coube a Bruno manter a dupla brasileira no jogo, com toques sutis para surpreender a defesa holandesa.

Pouquíssimos pontos eram ganhos no saque, até que uma pedrada de Alison deixou os adversários desnorteados.

Foi num ponto totalmente louco, com jogadores de ambas as duplas mergulhando para pegar bolas impossíveis, que os brasileiros foram os primeiros abrir vantagem de dois pontos na parcial (19-17).

O pontaço deu muita moral aos anfitriões, que obtiveram o primeiro 'match point' logo em seguida.

Na hora de fechar, porém, Alison parou no bloqueio holandês e os europeus foram buscar o empate.

Foram três 'match points' desperdiçados apenas nessa parcial, e os europeus não perdoaram. Com um bloqueio e um ace em saque curto, conseguiram fechar a parcial e levar a decisão para o tie-break.

- Mamute derrubado pela emoção -Os brasileiros não se abalaram e entraram ainda mais determinados para não deixar escapar essa final olímpica.

O bloqueio voltou a funcionar, com participação inclusive do 'baixinho' Bruno (1,85 m, contra 2,03 m de Alison), para abrir vantagem de 7-5.

A diferença passou para três pontos (10-7) com 'Mamute' crescendo para cima dos holandeses.

Como no segundo set, os holandeses mostraram garra para voltar para o jogo, mas os brasileiros souberam manter a cabeça fria e Bruno finalmente conseguiu converter o 'match point', levando a torcida ao delírio.

Depois desse jogo tão eletrizante, Alison, com nervos a flor da pele, foi derrubado pela emoção e ficou longos segundos deitado, com o rosto na areia. Uma forma de mostrar que o Mamute guerreiro é antes de tudo, um ser humano sensível, que sonha em encerrar sua segunda experiência olímpica com medalha de ouro no peito, depois da prata de Londres-2012, ao lado de Emanuel.

lg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo