Esporte

Lutador indiano Yadav é excluído do Rio-2016 e suspenso por doping

18/08/2016 20h10

Rio de Janeiro, 18 Ago 2016 (AFP) - O lutador indiano Narsingh Yadav, que testou positivo para esteroides anabolizantes antes dos Jogos mas havia sido exonerado pela agência antidoping do seu país, foi excluído da Rio-2016 e suspenso por quatro anos nesta quinta-feira pelo Tribunal de Arbitragem Esportiva (TAS).

Yadav, que testou positivo duas vezes este ano, devia começar sua jornada no Rio na sexta-feira na categoria até 74 kg, mas o TAS deu razão à agência Mundial Antidoping (AMA), que tinha recorrido da decisão da Agência Indiana.

Na quinta-feira, o TAS anunciou as exclusões do ciclista de estrada brasileiro Kleber Da Silva Ramos, de 30 anos, que testou positivo para EPO, e da nadadora chinesa Chen Xinyi, de 18, quarta colocada nos 100m borboleta, que ingeriu um diurético, usado como agente mascarante.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo