Esporte

Isaquias será porta-bandeira do Brasil na cerimônia de encerramento da Rio-2016

20/08/2016 15h34

Rio de Janeiro, 20 Ago 2016 (AFP) - O canoísta Isaquias Queiroz, que encerrou neste sábado sua participação na Rio-2016 conquistando uma terceira medalha, aceitou o convite do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e será o porta-bandeira do Brasil na cerimônia de encerramento dos Jogos, neste domingo no Maracanã.

Neste sábado, Isaquias ficou com a medalha de prata na prova do C2 1000 m, ao lado de Erlon de Souza. Antes, havia conquistado a prata no C1 1000 m e o bronze no C1 200 m.

Com os três pódios, o baiano de 22 anos se tornou o primeiro atleta brasileira a conquistar três medalhas em uma única edição de Jogos Olímpicos, superando os nadadores César Cielo (ouro e bronze em Pequim-2008) e Gustavo Borges (prata e bronze em Atlanta-1996) e os atiradores Guilherme Paraense (ouro e bronze na Antuérpia-1920) e Afrânio da Costa (prata e bronze na Antuérpia-1920.

O façanha valeu a Isaquias o convite do COB para ser o porta-bandeira da delegação brasileira na festa de encerramento dos Jogos Rio-2016. Na cerimônia de abertura, a honra ficou com a pentatleta Yane Marques, bronze em Londres-2012.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo