Esporte

Mo Farah confirma pleno domínio ao vencer 5 mil metros no Rio-2016

20/08/2016 23h45

Rio de Janeiro, 21 Ago 2016 (AFP) - O britânico de origem somali Mo Farah confirmou seu amplo domínio nas provas de fundo ao vencer neste sábado os 5 mil metros dos Jogos do Rio-2016, após conquistar os 10 mil metros.

Farah, 33 anos, que já havia realizado a mesma façanha nos Jogos de Londres-2012, venceu hoje com o tempo de 13:03.30.

Após as três medalhas de ouro do jamaicano Usain Bolt nas provas de velocidade, para se tornar três vezes tri dos 100 m, 200 m e revezamento 4x100 m, em Três Jogos Olímpicos consecutivos, Farah conseguiu a façanha de se tornar duas vezes bicampeão: vencedor nos 5.000 e 10.000 metros em Londres-2012 e Rio-2016.

"O sonho de cada atleta é se destacar nos Jogos Olímpicos. Não posso acreditar", afirmou Farah depois de conquistar mais uma medalha de ouro.

"Por estar tão longe da família durante tanto tempo eu tinha que fazer algo por eles. Agora só penso em voltar para casa, encontrar meus filhos maravilhosos e colocar minhas medalhas em seus pescoços", disse.

O americano de origem queniana Paul Kipkemoi Chelimo (13:03.90) chegou na segunda posição, foi desclassificado e depois reabilitado, o que confirmou sua medalha de prata.

O etíope Hagos Gebrhiwet (13:04.35) levou a medalha de bronze.

Além de Chelimo chegaram a ser desclassificados o etíope Muktar Edris, quarto, e o canadense Mohammed Ahmed, quinto, o que por alguns minutos deixou o bronze no colo do veterano americano Bernard Lagat (13:06.78).

Os três foram desclassificados por alguns minutos supostamente por empurrões em adversários na última volta.

Farah se igualou ao finlandês Lasse Viren, que também obteve o bicampeonato olímpico nos 5 mil e 10 mil metros.

Na final dos 5.000 metros deste sábado, Farah deixou os etíopes controlarem a corrida, ficando na sexta posição na primeira metade da prova, mas foi apertando o ritmo para ocupar o segundo posto por volta dos 3.000 metros.

Após os 3.400 metros, Farah assumiu a liderança e deu um sprint nos últimos 400 metros, sem que ninguém pudesse acompanhá-lo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo