Esporte

FIFA abre investigação contra Blatter e Valcke

09/09/2016 12h58

Zurique, Suíça, 9 Set 2016 (AFP) - A FIFA, que revelou em junho que Joseph Blatter, ex-presidente da entidade, e seus antigos colaboradores, Jerome Valcke e Markus Kattner repartiram 80 milhões de dólares, anunciou nesta sexta-feira ter aberto uma investigação contra os ex-dirigentes esportivos.

Segundo a Fifa, os três dividiram o dinheiro obtido através de contratos e subornos ao longo dos últimos cinco anos.

A instância suprema do futebol indicou, em junho, que repassou essa informação à justiça suíça e que faria a mesma coisa com a americana.

Nesta sexta, a câmara de instrução da Comissão de Ética da Fifa anunciou ter aberto a investigação contra os três acusados de conflito de interesses e corrupção.

Blatter foi suspenso por oito anos pela Comissão de Ética da FIFA pelo controvertido pagamento de 1,8 milhão de euros em 2011 a Michel Platini por um trabalho de assessoria sem contrato por escrito. A punição foi reduzida a seis anos.

Valcke foi demitido da FIFA por envolvimento na venda de entradas para o Mundial-2014, e suspenso por 12 anos de qualquer atividade ligada ao futebol, tempo reduzido para dez anos após recurso.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo