Esporte

Ouros no atletismo e prata de Tenório no judô são destaques do Brasil nos Jogos Paralímpicos

10/09/2016 21h41

Rio de Janeiro, 11 Set 2016 (AFP) - O Brasil voltou a mostrar sua força nos Jogos Paralímpicos neste sábado, conquistando dois ouros no atletismo com Claudinei dos Santos e Shirlene Coelho, mas o destaque do dia foi o veterano judoca Antônio Tenório, que levou a prata, sua sexta medalha paralímpica.

Na categoria até 100kg do masculino, Tenório, de 45 anos, escreveu mais uma página em sua história de sucesso no paradesporto.

Principal nome do judô do país, o experiente lutador foi derrotado por ippon na final pelo sul-coreano Gwangeeun Choi, agora bicampeão paralímpico, mas conquistou sua sexta medalha nos Jogos.

Na longa carreira, Tenório também soma quatro ouros e um bronze, obtidos entre Atlanta-1996 e o Rio-2016.

Além de Tenório, o Brasil pôde comemorar outras duas pratas neste sábado.

Na categoria até 70 kg, Alana Maldonado foi derrotada na final pela mexicana Lenia Alvarez, que já havia vencido a brasileira na final dos Jogos Parapan-Americanos Toronto-2015, enquanto Wilians Araújo perdeu a decisão em apenas dois segundos para o uzbeque Adiljan Tuledibaev.

Com as conquistas de Alana, Tenório e Wilians, o judô do Brasil chegou à sua quarta prata no Rio-2016.

O judô fez bonito, mas o brilho do ouro só foi visto no Atletismo neste sábado graças à força de Claudiney Batista, no lançamento de disco da classe F56, e de Shirlene Coelho, no lançamento de dardo F37.

Claudiney, de 37 anos, bateu o recorde Paralímpico da prova logo em seu segundo lançamento, com a marca de 45,33m, e conquistou sua segunda medalha Paralímpica, após a prata no lançamento do dardo da classe F57 em Londres-2012.

Na natação, o Brasil conquistou duas medalhas de bronze na piscina do Estádio Aquático Olímpico. primeiro com o multimedalhista Daniel Dias nos 50m borboleta S5 e em seguida com Matheus Rheine nos 400m livre S11.

Daniel Dias, que tem três medalhas no Rio-2016, coleciona 18 no currículo em Jogos Paralímpicos: 11 de ouro, 5 de prata e 2 de bronze.

Neste sábado, nadando a distância em 35.62s, ele não foi páreo para o americano Roy Perkins, medalhista de ouro com o tempo de 35.04s. A prata ficou com o chinês Shiwei He, com 35.25s.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo