Esporte

Pogba cala críticos e França bate Holanda em Amsterdã

10/10/2016 18h47

Amsterdã, 10 Out 2016 (AFP) - Criticado pelas atuações abaixo do seu potencial nos últimos meses, Paul Pogba respondeu em campo ao anotar o gol da vitória por 1 a 0 da França sobre a Holanda, nesta segunda-feira, em Amsterdã, pela terceira rodada do grupo A das eliminatórias europeias da Copa do Mundo de 2018.

O meia do Manchester United balançou as redes aos 30 minutos de jogo, com uma bomba de fora da área. O chute tomou muito efeito e a trajetória enganou o goleiro Steckelenburg, que chegou a tocar na bola, mas não conseguiu impedir o gol.

Comprado por 105 milhões de euros pelos 'Red Devils' junto à Juventus, o jogador mais caro do mundo poderia até ter ampliado o marcador no segundo tempo, quando cabeceou à queima-roupa, obrigando o goleiro a fazer uma defesa milagrosa.

"Às vezes, parece até que essa é a seleção Pogba, mas não tem seleção Pogba. Quando o jogo é ruim, vão falar que foi porque joguei mal. Não adiante falar o tempo todo de atuações individuais", desabafou Pogba depois da partida.

"É verdade que nunca é agradável ouvir críticas. Sou um jogador que tenta criar, driblar, talvez até demais, mas procuro crescer e aprender sempre. Ainda sou muito jovem e parece que muita gente está se esquecendo disso", completou o craque de 23 anos.

- Pogba derruba tabu de 15 anos -Havia até especulações de que Pogba poderia ter ficado no banco, já que tinha sido criticado publicamente pela primeira vez pelo técnico Didier Deschamps por causa da atuação apagada contra a Bulgária (4-1) na última sexta-feira.

A decisão de mantê-lo como titular foi acertada, garantindo uma vitória histórica em solo holandês.

Com o triunfo no duelo entre favoritos do grupo A, a França assumiu a liderança, com os mesmos sete pontos da Suécia, que atropelou a Bulgária por 3 a 0 em Amsterdã. A Holanda ficou em terceiro ligar, com quatro pontos.

"Conseguimos alcançar o primeiro lugar e queremos permanecer no topo até o fim. Essa vitória é um primeiro marco, mas ainda temos sete jogos pela frente e esse resultado não chega a ser decisivo para nenhuma das duas equipes", analisou Deschamps.

A 'Laranja Mecânica' deu vexame nas eliminatórias para a Euro-2016, ficando fora do torneio continental, mas costuma ser imbatível quando a missão é garantir a vaga para a Copa do Mundo.

A derrota desta segunda-feira foi a primeira em mais de 15 anos em eliminatórias de um Mundial. Os 'Bleus' acabaram com uma série invicta de 34 jogos, desde a derrota por 1 a 0 para a Irlanda, no dia 1º de setembro de 2011.

kn-nip-tba/ah/lg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo