Esporte

Nadal apoia bolas mais lentas no tênis para evitar lesões

14/10/2016 15h22

Berlim, 14 Out 2016 (AFP) - O espanhol Rafael Nadal, vencedor de 14 Grand Slams na carreira, afirmou nesta sexta-feira que o tênis moderno é rápido demais, o que multiplica os riscos de lesão, e se mostrou partidário da ideia do uso de bolas que deixem o jogo mais lento.

"Atualmente se joga com muita força. Quase qualquer jogador pode conseguir acertar um 'winner' de qualquer posição na quadra", explicou o atual número 5 do mundo, em entrevista à revista alemã Der Spiegel.

De acordo com o espanhol, de 30 anos, esta aceleração do jogo obriga os jogadores a fazer mudanças de ritmo e direção muito violentas. "É nesses momentos que você pode se lesionar", afirmou.

"As bola estão subindo muito, o que significa que podemos bater nelas de cima para baixo. Isso acelera o jogo, elas deveriam subir menso", completou.

Nadal, ex-número 1 do mundo, não chega à final de um torneio desde que ganhou em Barcelona em abril, seu segundo título na temporada após Montecarlo.

Na quinta-feira o espanhol afirmou que poderia encerrar de maneira antecipada sua temporada para dedicar-se aos treinos, depois de ser eliminado na segunda rodada do Masters 1000 de Xangai.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo