Esporte

Tite convoca Rodrigo Caio e deixa Oscar fora do clássico contra Argentina

21/10/2016 12h22

Rio de Janeiro, 21 Out 2016 (AFP) - O técnico Tite convocou nesta sexta-feira cinco zagueiros para as partidas da seleção brasileira contra Argentina e Peru, pelas eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo de 2018, o que custou a vaga do meia Oscar, que deu lugar a Rodrigo Caio.

Esta foi a única mudança em relação à última convocação, sendo que para os jogos contra Bolívia (2-0) e Venezuela (5-0), Marcelo, Casemiro e Douglas Costa acabaram sendo cortados por lesão e substituídos por Wendell, Rafael Carioca e Taison, respectivamente.

Marcelo já voltou a jogar pelo Real Madrid, caso diferente de Casemiro e Douglas Costa, que foram convocados mesmo assim.

O preparador físico, Fábio Mahseredjian, explicou que Casemiro ainda será reavaliado para verificar se está realmente recuperado a tempo para o jogo.

Por isso Tite convocou 24 atletas, ao invés dos 23 habituais. Isso já havia acontecido na última convocação, com Paulinho sendo chamado apesar de cumprir suspensão no primeiro jogo, contra a Bolívia.

Desta vez, Casemiro é o jogador ainda sob pendência, e o 'coringa' é o zagueiro Rodrigo Caio, convocado por ser "um jogador versátil", justificou Tite, dando a entender que pode escalar o atleta do São Paulo no meio de campo.

Thiago Silva voltou a ser chamado, mas deve ser reserva novamente, dando lugar à dupla Miranda-Marquinhos, que deu conta do recado no últimos jogos.

Tite também optou por repetir os mesmos três goleiros (Alisson, Weverton e Muralha), apesar da grande fase de Diego Alves, que vem pegando um pênalti atrás do outro na Espanha, com o Valencia.

Outra ausência notável é o atacante Lucas, que vem fazendo um ótimo início de temporada com o Paris Saint-Germain, com sete gols em todas as competições, um deles na última quarta-feira, na vitória por 3 a 0 sobre o Basel, na Liga dos Campeões.

- 'Sonho de todo treinador' -A seleção ostenta 100% de aproveitamento em quatro jogos sob o comando do ex-técnico do Corinthians, passando da sexta posição nas eliminatórias, fora da zona de classificação, para a liderança, com 21 pontos, um de vantagem sobre o Uruguai.

Com 16 pontos, a Argentina ocupa apenas o quinto lugar, sinônimo de repescagem, mas deve contar com o retorno de Lionel Messi, que ficou fora das últimas partidas por lesão e deve causar problemas à defesa brasileira.

"A gente não tira de um grande jogador sua genialidade, mas você pode diminuir suas ações. Esse vai ser nosso objetivo, e vai ser um trabalho coletivo, não individual. Não pode colocar tudo para uma pessoa", analisou Tite, que se emocionou com a perspectiva de disputar seu primeiro grande clássico sul-americano.

"Eu não tenho adjetivo para colocar. Vivo um sonho que todo treinador brasileiro queria estar. Eu procuro não pensar, focar na estratégia. Toda a história, a rivalidade. É muito grande", se emocionou o treinador.

O Brasil recebe os 'Hermanos' no dia 10 de novembro, no Mineirão, antes de viajar a Lima para enfrentar Paolo Guerrero e companhia, no dia 15.

Tite falou sobre o peso de disputar o clássico no palco do 7 a 1, a fatídica derrota para a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo.

"O resultado negativo não foi de um jogador, foi de uma equipe. Eu me senti perdedor", lembrou o treinador, que convocou quatro atletas que disputaram aquela partida (Daniel Alves, Fernandinho, Paulinho e Willian).

--Convocação da seleção brasileira para as partidas contra Argentina e Peru:

- Goleiros: Alisson (Roma/ITA), Alex Muralha (Flamengo) Weverton - (Atlético Paranaense),

- Zagueiros: Gil (Shandong Luneng/CHI), Marquinhos (Paris Saint-Germain/FRA)), Miranda (Atlético de Madri/ESP), Thiago Silva (Paris Saint-Germain/Fra), Rodrigo Caio (São Paulo)

- Laterais: Daniel Alves (Juventus/ITA), Fágner (Corinthians) Filipe Luís (Atlético de Madri/ESP), Marcelo (Real Madrid/ESP)

- Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid/ESP), Fernandinho (Manchester City/ING), Giuliano (Zenit São Petersburgo/RUS), Lucas Lima (Santos), Paulinho (Guangzhou Evergrande/CHN), Philippe Coutinho (Liverpool/ING), Renato Augusto (Beijing Guoan/CHN) (China), Willian (Chelsea/ING)

- Atacantes: Douglas Costa (Bayern de Munique), Roberto Firmino (Liverpool/ING), Gabriel Jesus (Palmeiras), Neymar (Barcelona/ESP)

lg

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo