Esporte

Bayern de Munique quer investigar passado no período nazista

28/10/2016 17h15

Berlim, 28 Out 2016 (AFP) - O Bayern de Munique tem a intenção de solicitar a um grupo de historiadores que investiguem o comportamento da entidade durante o período nazista, para responder à polêmica que surgiu após a publicação de uma matéria na revista Der Spiegel, anunciou nesta sexta-feira o clube bávaro.

Em maio, a Der Spiegel publicou uma matéria baseada no trabalho de um investigador para afirmar que o Bayern de Munique, ao contrário das afirmações do clube, estava perfeitamente confortável com o regime nazista na Alemanha, entre 1933 e 1945.

Na época, o Bayern de Munique, que já era um clube importante no país, tinha conquistado apenas um título alemão antes da Segunda Guerra Mundial, em 1932.

"A visão apresentada pelo Bayern de Munique em seu museu do futebol de que o clube de manteve distante do nacional-socialismo (nazismo) não tem fundamento", afirmou à Der Spiegel o historiador Markwart Herzog, baseando-se em relatórios de assembleias-gerais do clube que não haviam sido publicados anteriormente.

"Basicamente temos que concluir que o Bayern não teve uma atitude diferente, se comportou como a grande maioria dos clubes alemães na época", completou.

Os trabalhos deste investigador foram contestados. Um especialista no assunto, Dietrich Schulze-Marmeling, autor do livro 'O FC Bayern e seus judeus', acusa a Der Spiegel e a Herzog de publicarem "uma mistura de feitos conhecidos há muito tempo e uma boa dose de informações fraudulentas".

"Essas informações e opiniões" precisam ser analisadas por cientistas, se contentou em responder o Bayern, citado pela Der Spiegel.

Em seu site na internet, o clube alemão, cinco vezes campeão europeu, dedica um trecho de sua história ao período nazista e afirma: "O FC Bayern sofreu devido às raízes judias (o presidente do clube até 1933, Kurt Landauer, era judeu). O número de sócios, de equipes e de espectadores caiu drasticamente. Durante os 12 anos de ditadura fascista o clube perdeu seu lugar no topo do futebol alemão e caiu para a 81ª colocação do 'Reich'".

Os nazistas impuseram a todos os clubes esportivos que descartassem das equipes e dos cargos de responsabilidade os judeus.

De acordo com a revista Der Spiegel, o Bayern confiará a missão de investigar o passado do clube "a uma comissão científica ou a um instituto independente".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo