Esporte

Wada suspende laboratório de Doha por quatro meses

15/11/2016 16h57

Montreal, 15 Nov 2016 (AFP) - A Agência Mundial Antidoping (Wada) suspendeu o laboratório de Doha por quatro meses, alegando que o centro de exames não estava em conformidade com as novas regras de qualidade, anunciou a entidade na segunda-feira.

Esta suspensão teve início em 7 de novembro e proíbe o laboratório de efetuar qualquer exame antidoping, tanto em amostras sanguinas como de urina.

Responsáveis da Wada explicaram que o laboratório catariano não seguia as exigências dos novos procedimentos de avaliação de qualidade.

"Isso não tem relação com trapaça, é simplesmente uma questão de procedimento que precisava ser corrigido", explicou nesta terça-feira o diretor-geral adjunto da Wada, Rob Koehler, após a assembleia geral dos comitês olímpicos nacionais (CON), reunidos em Doha.

"A suspensão é válida por quatro meses, o que dá tempo para corrigir esses procedimentos e retomar as análises de amostras", completou.

O laboratório tem 21 dias para recorrer ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) a partir do dia da notificação da suspensão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo