Esporte

Promotoria pede dois anos de prisão para Neymar por fraude na contratação

23/11/2016 10h16

Madri, 23 Nov 2016 (AFP) - A promotoria requisitou dois anos de prisão e dez milhões de euros de multa contra o atacante brasileiro Neymar, indiciado por corrupção ligada a sua transferência para o FC Barcelona, informou nesta quarta-feira uma fonte judicial.

A promotoria pede "dois anos de prisão (....) e uma multa de dez milhões", segundo a ata consultada por uma correspondente da AFP. Na Espanha, as requisições são feitas antes do reenvio ao tribunal, para que juiz encarregado do caso possa se pronunciar sem demora.

str-mck/jcp/mr

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo