Esporte

Presidente da Fifa comparecerá ao funeral em Chapecó

02/12/2016 10h24

Sydney, 2 dez 2016 (AFP) - O presidente da Fifa, Gianni Infantino, suspendeu uma viagem prevista à Austrália para comparecer ao funeral dos jogadores da Chapecoense, que morreram na segunda-feira em um acidente de avião na Colômbia.

Infantino deveria visitar Sydney após assistir a final do Mundial Sub-20 feminino em Papua-Nova Guiné.

Além disso, o Conselho da Fifa pediu o respeito a um minuto de silêncio antes de todas as partidas do fim de semana. Os jogadores de futebol de todo o mundo devem utilizar uma faixa preta em homenagem às vítimas.

Entre as 71 vítimas fatais estavam 19 jogadores, além de integrantes da comissão técnica e dirigentes da Chapecoense, que disputaria na Colômbia a partida de ida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Medellín.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo