Esporte

Real tenta evitar zebra mexicana no Mundial de Clubes

14/12/2016 12h07

Yokohama, Japão, 14 dez 2016 (AFP) - Depois da surpreendente eliminação do Atlético Nacional, atual campeão da Copa Libertadores, o Real Madrid tentará confirmar o favoritismo contra o América, do México, nesta quinta-feira, em Yokohama, na segunda semifinal do Mundial de Clubes.

Cristiano Ronaldo e companhia desembarcaram ao Japão na segunda-feira, dia em que o astro português conquistou sua quarta Bola de Ouro.

Último time a chegar na competição, o campeão europeu vem embalado, depois de bater no último sábado o recorde de invencibilidade do clube, completando 35 jogos sem perder sob o comando de Zinedine Zidane, na vitória por 3 a 2 sobre o Deportivo La Coruña.

Tudo indica que essa marca será ampliada, diante do América, que no domingo derrotou por 2 a 1 o Jeonbuk, da Coreia do Sul, nas quartas de final.

Desde que o torneio adotou seu formato atual, em 2005, o representante do Velho Continente nunca ficou fora da competição.

O Real, porém, não pode entrar em campo de salto alto para não correr o risco de ser humilhado como o Atlético Nacional, derrotado por 3 a 0 pelo anfitrião Kashima Antlers nesta quarta-feira.

"Para muitos jogadores do América, será a única oportunidade de enfrentar o Real então vão tentar nos dar dores de cabeça. Eu disse aos meus atletas que não basta mostrar a cara para vencer, temos que merecer a vitória", alertou Zidane.

- América rejeita favoritismo -Apesar de os times europeus não costumarem dar muito valor ao Mundial, o treinador francês conta praticamente com sua força máxima no Japão, com a exceção notável do galês Gareth Bale, que só deve voltar a jogar em março.

Contra o América, outro desfalque de peso será o 'zagueiro-artilheiro' Sergio Ramos, que sente dores musculares e também é dúvida para a eventual final de domingo.

Ramos foi o herói dos 'merengues' nas últimas duas rodadas da Liga Espanhola, com gols de cabeça nos minutos finais para garantir o empate em 1 a 1 com o Barcelona no Camp Nou e a vitória sobre o Depor no sábado.

A boa notícia para 'Zizou' é que o meio de campo volta a ser completo, com o brasileiro Casemiro e o alemão Toni Kroos recuperados de lesão para jogar ao lado do croata Luka Modric, que também teve problemas físicos recentemente.

Apesar do peso da camisa 'merengue', o técnico do América, o argentino Ricardo La Volpe, não se deu por vencido.

"Nossa equipe também tem muita qualidade. Não acho que o Real seja favorito. É um grande time, mas vamos mostrar garra, jogar com agressividade e tentar de tudo para aproveitar a nossa chance", avisou.

Para isso, ele aposta no atacante argentino Silvio Romero, autor dos dois gols da virada sobre o Jeonbuk.

"Temos qualidade suficiente para vencer o Real", concordou o capitão Oribe Peralta, que foi o carrasco da seleção brasileira olímpica em 2012, ao anotar os dois gols da vitória por 2 a 1 do México na final dos Jogos de Londres.

- Prováveis escalações:

Club América: Muñoz - Goltz, Samudio, Aguilar, Valdez - Iborra (ou Arroyo), Da Silva, Sambueza, Peralta - Romero, Quintero.

T: Ricardo Lavolpe (ARG)

Real Madrid: Navas - Carvajal, Ramos, Varane, Marcelo - Casemiro (ou Kovacevic), Modrid, Kroos, Isco (ou Lucas Vázquez) - Cristiano Ronaldo, Benzema (ou Morata).

T: Zinedine Zidane (FRA)

Árbitro: Enrique Cáceres (PAR).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo