Esporte

Aeromoça que sobreviveu à acidente do avião da Chapecoense chega à Bolívia

19/12/2016 11h31

La Paz, 19 dez 2016 (AFP) - Ximena Suárez, a comissária de bordo que sobreviveu à queda do avião da LaMia em Medellin com 77 pessoas a bordo, retornou nas primeiras horas desta segunda-feira a Bolívia, "grata a Deus por esta nova oportunidade".

A jovem, que desceu do avião em uma cadeira de rodas, teve uma recepção calorosa de seu filho Tiago, de seis anos de idade, e seus pais, enquanto dezenas de parentes e amigos estavam a sua espera no terminal do aeroporto Viru Viru, em Santa Cruz (leste).

"Estou muito feliz. Obrigada a todos que rezaram por mim, é um monte de emoções, e até agora eu não consigo acreditar", declarou em uma breve declaração aos repórteres.

Comovida pela situação, disse ser "grata a Deus por esta nova oportunidade que me foi dada".

Mãe de dois filhos, Suárez também agradeceu ao povo colombiano.

No acidente, que ocorreu em 29 de novembro na Colômbia, 71 pessoas das 77 a bordo morreram, incluindo jogadores e dirigentes da Chapecoense, bem como jornalistas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo