Esporte

Diretor da Mercedes deve trocar escuderia alemã por Williams

Andrew Hone/Getty Images
Imagem: Andrew Hone/Getty Images

10/01/2017 17h27

Paris, 10 Jan 2017 (AFP) - O diretor técnico da Mercedes-AMG, Paddy Lowe, deixará o cargo, anunciou nesta terça-feira a escuderia alemã, atual campeã do mundo de Fórmula 1, para trabalhar na Williams, segundo a imprensa especializada.

"Após três anos e meio de sucesso, Paddy Lowe deixará a Mercedes-AMG Petronas Motorsport", explicou o comunicado.

Na verdade, segundo a imprensa especializada, Lowe trocará nos próximos dias a escuderia alemã pela Williams, equipe na qual terá mais poder e autonomia.

A saída de Lowe também pode estar ligada à busca de um substituto para o piloto Nico Rosberg, que decidiu encerrar a carreira após se tornar campeão do mundo de F1 com a Mercedes.

Segundo a imprensa, a Mercedes quer contratar para o lugar de Rosberg o finlandês Valtteri Bottas, que tem contrato com a Williams, e a saída de Lowe seria uma espécie de contrapartida.

"O sucesso na Fórmula 1 não depende de indivíduos, mas sim da força e capacidade técnica de uma equipe", afirmou Toto Wolff, chefão da Mercedes, em nota sobre a saída de seu diretor técnico.

"Temos o talento para perpetuar as vitórias dos últimos anos e prevemos construir sobre esta base as vitórias de 2017 e dos próximos anos", concluiu.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo