Esporte

Djokovic não pretende recontratar Becker como treinador

14/01/2017 16h10

Melbourne, 14 Jan 2017 (AFP) - Novak Djokovic disse, neste sábado, que não planeja recontratar o técnico Boris Becker, que revelou que o atual número 2 do mundo não tem treinado o suficiente.

O sérvio está acompanhado do técnico Marian Vadja e da assistente Dusan Vemic.

"Não penso em trazer ninguém. Este é o time técnico que há", falou Djokovic, que parou de treinar com Becker depois de três temporadas vencedoras.

Djokovic chegou ao Aberto da Austrália com o objetivo de vencer seu sétimo título no primeiro Grand Slam da temporada.

Djokovic se esquivou dos comentários do antigo treinador sobre a queda de rendimento do tenista no segundo semestre de 2016.

"Tivemos um sucesso incrível, isso é tudo que posso dizer. Não quero voltar ao passado para comentar nada. Tenho uma relação amigável com Boris, mas tomamos caminhos diferentes", explicou o sérvio.

Djokovic esperar recuperar as vitórias em Melbourne. A última competição vencida foi em Roland Garros, em junho de 2016. De lá pra cá, o sérvio foi ultrapassado pelo britânico Andy Murray como melhor tenista do mundo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo