Esporte

Recursos judiciais contra ampliação de Roland Garros são negados

02/02/2017 19h41

Paris, 2 Fev 2017 (AFP) - A Federação Francesa de Tênis (FFT) teve uma importante vitória nos tribunais, nesta quinta-feira (2), depois de o Tribunal Administrativo recusar todos os recursos contra o projeto de ampliação das instalações de Roland Garros, autorizando o início das obras previstas para terminarem entre 2018 e 2020.

O conflito judicial se arrasta há anos.

Agora, a FFT parece ter vencido a disputa, mesmo com o desejo dos opositores de apelar da decisão.

Disputado entre maio e junho, Roland Garros é o segundo torneio de Grand Slam.

"É uma grande vitória para o tênis e para os representantes da federação", celebrou o diretor-geral da FFT, Jérémy Botton, em declarações à AFP.

Para Agnès Popelin, representante de uma das organizações ambientais contrárias ao projeto de ampliação, o indeferimento dos recursos "foi uma surpresa".

cha-tba-sd/fbr/ps/dr/fa/tt

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo