Esporte

Low critica presidente do Borussia por atitude contra Leipzig

08/02/2017 15h17

Berlim, 8 Fev 2017 (AFP) - O técnico da seleção alemã, Joachim Low, se uniu aos críticos do presidente do Borussia Dortmund, Hans-Joachim Watzke, depois que 'hooligans' do clube atacaram torcedores do Leipzig no sábado, antes da partida entre ambas as equipes pelo Campeonato Alemão.

"Podíamos ser prudentes e prestar atenção no que dizemos antes de um jogo como esse", afirmou Low.

O presidente do Borussia Dortmund classificou o Red Bull Leipzig, fundado em 2009 pela marca de bebidas energéticas austríaca do mesmo nome, de "equipe que joga futebol para vender latas de refrigerante".

"Não citarei nomes, mas 'clube de latas de refrigerante' é outro termo que não ajuda a baixar a tensão, justamente provocando o oposto", lamentou o técnico que levou a Alemanha ao título mundial em 2014.

O RB Leipzig é detestado pelos torcedores mais tradicionais das outras equipes da Bundesliga, que consideram sua criação como artificial, sem história ou tradição. No sábado, em Dortmund, a violência tomou conta do pré-jogo.

Um total de 14 pessoas foram hospitalizadas após os incidentes, informou neste domingo o jornal Bild, um dia depois das agressões. Cerca de 8.500 torcedores do Leipzig viajaram até Dortmund e foram recebidos com chuva de ovos, pedras, latas e garrafas. Entre as vítimas estão mulheres e crianças.

Low fez um pedido para que os hooligans que atacaram os torcedores do Lepizig sejam punidos.

É preciso impedir que façam dano. Não podemos aceitar que famílias não posso mais ir ao estádio", completou.

A polícia alemã prendeu 28 pessoas no sábado pelos ataques. Cerca de 400 torcedores organizados do Borussia Dortmund participaram da agressão.

"Nunca tinha visto tanto ódio, estou em choque", declarou o chefe da polícia de Dortmund.

Com a bola rolando, o Leipzig, surpreendente vice-líder da Bundesliga, foi derrotado por 1 a 0 pelo Borussia Dortmund, terceiro colocado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo