Esporte

United registra recorde em volume de negócios durante último trimestre de 2016

09/02/2017 15h56

Londres, 9 Fev 2017 (AFP) - O clube Manchester United anunciou nesta quinta-feira (9) ter alcançando um volume recorde de negócios durante o quarto trimestre de 2016, apesar de não ter se classificado para a Liga dos Campeões na temporada anterior.

Entre 1º de outubro e 31 de dezembro de 2016, o volume aumentou em 18% em relação ao mesmo trimestre do período anterior, alcançando os 157,9 milhões de libras (185 milhões de euros).

A razão desse crescimento, explicou o clube em um comunicado, se deve ao aumento em seus investimentos comerciais (patrocinadores, roupas e outros produtos) e, sobretudo, ao aumento na quantidade de dinheiro vinda dos direitos de transmissão.

"Continuamos trabalhando para conseguir um novo recorde em nosso volume de negócios para 2017", disse no comunicado o vice-presidente executivo do clube, Ed Woodward, que espera que o United obtenha um valor total de entre 530 e 540 milhões de libras durante a atual campanha.

Por conta desse aumento, a consultora Deloitte classificou em janeiro o Manchester United como o clube mais rico do mundo, superando o Real Madrid pela primeira vez desde 2005.

hw-pn/jma/pm/cb/cc

MANCHESTER UNITED

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo