Esporte

Federação alemã proíbe 88 torcedores do Dortmund de entrar em estádios

AFP PHOTO / SASCHA SCHUERMANN
Imagem: AFP PHOTO / SASCHA SCHUERMANN

Da AFP, em Berlim

02/03/2017 14h26

A Federação Alemã de Futebol (DFB) anunciou, nesta quinta-feira, que 88 "hooligans" do Borussia Dortmund, detidos pela polícia dia 11 de fevereiro com utensílios de combate, foram proibidos de entrar em estádios alemães.

O grupo foi pego na estrada em direção a Darmstadt, para a partida vencida fora de casa pelo Borussia por 2 a 1, e foi levado de volta à cidade natal do time. Pela diferença dos perfis dos torcedores, a punição varia entre quatro meses e dois anos de afastamento.

"A duração das proibições foi determinada principalmente pela idade das pessoas, mas também em função do comportamento no passado", declarou o chefe de segurança da DFP, Hendrik Grosse Lefert.

A polícia encontrou rojões, luvas de esporte de combate e capacetes, entre outros artefatos, e as detenções aconteceram uma semana depois do incidente do jogo do Borussia contra o Leipzig.

A zona popular do estádio Signal Iduna Park foi coberta por faixas hostis aos rivais. Na saída da partida, torcedores do Leipzig foram atacados, entre eles famílias e crianças.

O time foi punido com o fechamento da arquibancada sul, que tem capacidade para 24.000 torcedores, para o jogo seguinte.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo