Esporte

Goleiros garantem empate entre Santos e Sporting Cristal na Libertadores

10/03/2017 00h04

Lima, 10 Mar 2017 (AFP) - O Santos empatou em 1 a 1 fora de casa com o Sporting Cristal, nesta quinta-feira, pela estreia na Libertadores, e precisa melhorar para tentar o quarto título da competição sul-americana mais importante.

O alvinegro praiano foi campeão em 1962, 1963 e a última conquista foi com a equipe liderada por Neymar, em 2011, mas ainda não convenceu em 2017. O time estava sob desconfiança depois da derrotas no clássicos contra Corinthians e São Paulo, além de perder para a frágil Ferroviária.

Os peruanos são os atuais campeões do torneio do país, mas não passam da fase de grupos da Libertadores desde 2003. 20 mil torcedores foram ao estádio Nacional para apoiar o time local e a partida também foi marcada por erros de arbitragem em dois lances decisivos.

O Santos finalmente pôde contar com os destaques Renato, Lucas Lima e Ricardo oliveira, que fizeram a primeira partida juntos em 2017, depois de lesões simultâneas do trio. A presença das peças principais do time deu ânimo para o time.

- Pressão local -Logo depois do apito inicial, os anfitriões assustaram o Peixe em duas jogadas de bola parada, nos primeiros minutos. O goleiro Vladimir estava atento e as tentativas despertaram o Peixe, que tentava segurar a pressão inicial dos peruanos.

Em outra bola parada, o Sporting conseguiu aproveitar o ímpeto inicial e Jorge Cazulo abriu o placar, aos 13 minutos, depois de receber cruzamento de Lobatón. A posição do lateral era irregular, mas o bandeirinha não marcou e o juiz apontou pro centro do campo.

O Santos abusava das ligações diretas e Lucas Lima não conseguia colocar a bola no chão para ditar o ritmo do meio campo. O camisa 10 estava bem marcado e o Sporting fechou o time depois de fazer o primeiro gol, complicando ainda mais as investidas santistas, que estavam lento em campo.

A melhor chance do Santos no primeiro tempo foi o chute de Cleber, aos 44 minutos, quando bola sobrou limpa na área para o lateral, depois de cobrança de falta pela esquerda. O goleiro Muricio Viana salvou os donos da casa.

- Vladimir salva o Peixe -O Santos começou bem a partida, mas sentiu o gol e se desorganizou. Na volta do intervalo, Dorival Júnior não fez substituições, mas o que o treinador santista falou para seus comandados mudou a postura o Peixe.

Aos 5 minutos, Ricardo Oliveira quase conseguiu o empate. Em contra-ataque dos brasileiros, o atacante recebeu na entrada da área e bateu cruzado, mas Viana se esticou e salvou outra vez.

Depois de sofrer para encaixar o jogo, o Peixe conseguiu mostrar um pouco do time que foi destaque na temporada passada, a partir dos 15 minutos. A equipe ficou mais com a bola no pé, trocou passes e aos 21 minutos, Lucas Lima achou Thiago Maia na área e o gol de empate saiu.

O volante recebeu lindo passe do camisa 10, que tentava jogadas mais verticais mas não era feliz até o momento. Maia dominou e encheu o pé. Viana não conseguiu parar a bomba, o Santos melhorou no jogo e quase conseguiu a virada.

Os peruanos acordaram com o sufoco brasileiro e quase fizeram o segundo, aos 36 minutos. Aproveitando a baixa estatura dos santistas, o Sporting levantou a bola na área, David Braz falhou e Vladimir salvou o Peixe com linda defesa. Na jogada seguinte, o goleiro voou para evitou gol de falta dos anfitriões.

O arqueiro santista voltou a fazer milagre aos 45 minutos, salvando forte cabeçada de Christian Ortíz antes do apito final.

Com o resultado, o Santos fica na segunda posição do Grupo 2, liderado pelo Strongest, da Bolívia, que venceu o Independiente Santa fé por 2 a 0 na outra partida do dia.

O Santos volta à campo na próxima quinta-feira (16) contra o Strongest, da Bolívia, em plena Vila Belmiro. O Sporting Cristal vai até a Colômbia para enfrentar o Independiente Santa Fé.

fa

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo