Esporte

Chelsea vence United e vai às semis da Copa da Inglaterra

13/03/2017 19h02

Londres, 13 Mar 2017 (AFP) - O Chelsea se classificou às semifinais da Copa da Inglaterra ao derrotar o Manchester United por 1 a 0, nesta segunda-feira, com gol solitário do francês N'Golo Kanté no início do segundo tempo.

A expulsão por dois cartões amarelos do meia espanhol Ánder Herrera, aos 35 minutos de jogo, foi determinante para desenhar o panorama da partida, na qual o Chelsea dominou completamente a posse de bola e teve inúmeras chances de construir um placar mais favorável.

Com a vitória, o Chelsea se classificou às semifinais da Copa da Inglaterra, nas quais fará um clássico londrino com o vizinho Tottenham. Do outro lado da chave se enfrentarão Arsenal e Manchester City.

O duelo disputado em Stanford Bridge começou como previsto: com as duas equipes buscando o gol adversário.

O armênio Henrikh Mkhitaryan teve a primeira chance para o United (12 minutos) e o Chelsea respondeu com tentativas de Eden Hazard (16) e Gary Cahill (16).

Contudo, aos 35, veio a jogada que definiu o jogo. Ánder Herrera cometeu uma falta sobre Hazard e o árbitro não hesitou em mostrar um segundo cartão amarelo para o espanhol, deixando o United com um jogador a menos por mais de metade da partida.

- Expulsão determinante -O lance colocou fogo em um jogo já bastante quente e árbitro precisou chamar a atenção de José Mourinho e Antonio Conte, após os dois técnicos terem acalorada discussão à beira do campo.

Após a expulsão, Mourinho colocou em campo o belga Marouane Fellaini, tirando Mkhitaryan, enfraquecendo de vez um ataque do United que já não podia contar com Ibrahimovic, suspenso, Rooney e Martial, lesionados. Com isso, o jovem Rashford ficou completamente isolado.

Após o intervalo, o Chelsea seguiu dominando o jogo e chegou ao gol da vitória aos 16 minutos com Kanté, que recebeu do brasileiro Willian na entrada da área e acertou chute rasteiro e colocado que o goleiro espanhol David de Gea não alcançou.

Inofensivo no ataque, o United teve uma clara chance de empatar a partida aos 14 minutos com Rashford. o jovem atacante aproveitou furada do brasileiro David Luiz para ficar no mano a mano com Cahill. Depois de driblar o zagueiro do Cheslea, Rashford chutou cruzado, mas viu o goleiro belga Thibaut Courtois defender no reflexo.

Após o lance de perigo dos Diabos Vermelhos, o Chelsea continuou a rondada a área adversária incessantemente, mas desperdiçou chances de ampliar o placar em finalizações do nigeriano Victor Moses (60), do brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa (60) e de Willian (62).

Nos acréscimos, o espanhol Cesc Fábregas teve a última chance ao concluir um rápido contra-ataque, mas De Gea, novamente, salvou o United novamente de voltar para casa goleado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo