Esporte

Fifa entrega à Justiça suíça resultado de investigação interna

Michael Buholzer/AFP
Imagem: Michael Buholzer/AFP

31/03/2017 08h06

Zurique, Suíça, 31 Mar 2017 (AFP) - A Fifa anunciou nesta sexta-feira que entregou à justiça suíça o resultado de sua investigação interna aberta em junho de 2015, logo depois da eclosão da mais grave crise de corrupção de sua história.

Ao término de "22 meses de investigação", a Fifa transmitiu à justiça suíça "relatórios que contam no total com mais de 1.300 páginas e contêm mais de 20.000 páginas de documentos de apoio", indicou a instância em um comunicado.

Na medida em que há processos abertos tanto na Suíça quanto nos Estados Unidos, nenhum detalhe foi comunicado sobre o conteúdo deste relatório, já que a Fifa está "legalmente obrigada a não divulgar ou comentar as conclusões de sua investigação interna".

"O relatório contém muitos e-mails e cópias de contratos, que serão úteis para as autoridades suíças", indicou à AFP uma fonte próxima à investigação interna.

Estes relatórios depois também serão "disponibilizados às autoridades americanas".

Contactado pela AFP, o Ministério Público da Confederação Suíça (MPC) ainda não havia reagido nesta sexta-feira.

"Terminamos esta investigação e entregamos as provas às autoridades, que continuam perseguindo aqueles que enriqueceram e abusaram de sua posição de confiança dentro do futebol", disse Gianni Infantino, presidente da Fifa.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo