Esporte

Rússia preocupada com venda de ingressos para Copa das Confederações

11/04/2017 12h55

Moscou, 11 Abr 2017 (AFP) - O governo russo reconheceu nesta terça-feira estar preocupado com a escassa venda de ingressos para a Copa das Confederações, admitindo que o pouco interesse por parte da população é um problema.

O torneio será realizado na Rússia entre 17 de junho e 2 de julho de 2017, um ano antes do país sediar pela primeira vez em sua história a Copa do Mundo.

"Estamos inquietos no que diz respeito à venda de ingressos para a Copa", reconheceu à agência R-Sport o vice-presidente russo, Vitaly Mutko, que também exerce o cargo de presidente do Comitê Organizador da Copa do Mundo-2018.

"200.000 ingressos foram vendidos até agora, quando nossas previsões eram de 700.000. A partir do próximo 19 de abril abriremos bilheterias por todo o país. Confiamos em que a situação melhore", completou.

Os oito países participantes estão divididos em dois grupos: Rússia, Nova Zelândia, Portugal e México no Grupo A; Camarões, Chile, Austrália e Alemanha no Grupo B.

As partidas começam a ser disputadas na cidade de Kazan, em 17 de junho, e a final será realizada em São Petersburgo, no dia 2 de julho. Jogos também acontecerão em Moscou e Sochi.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo