Esporte

Atlético elimina Leicester e chega à 3ª semifinal de Champions em quatro anos

18/04/2017 19h13

Leicester, Reino Unido, 18 Abr 2017 (AFP) - O Atlético de Madri se tornou o primeiro semifinalista da Liga dos Campeões ao empatar com o Leicester em 1 a 1, nesta terça-feira, fazendo valer a vitória por 1 a 0 da partida de ida, no Vicente Calderón, na semana passada.

A equipe comandada pelo argentino Diego Simeone praticamente sentenciou sua classificação ao abrir o placar na Inglaterra com Saúl Ñíguez, aos 26 minutos. Após o intervalo, os ingleses, precisando de três gols para ficarem com a vaga, só conseguiram o empate com o atacante Jamie Vardy, aos 16.

"Estamos muito felizes de estar entre os quatro melhores", declarou Saúl após o jogo.

"O jogo foi decidido nos detalhes. No segundo tempo, eles jogaram no seu ritmo e tiveram chances. Sabíamos que era uma equipe muito forte jogando em casa", completou.

Simeone quis proteger sua vantagem desde o início e colocou em campo o uruguaio José María Giménez, renunciando a um segundo atacante, como Fernando Torres ou Kevin Gameiro.

"Os jogadores fizeram um trabalho extraordinário contra um adversário duríssimo, que nunca se dá por vencido. Respondemos com um trabalho defensivo magnífico", analisou Simeone.

O Atlético entrou nervoso em campo e foi o Leicester que teve a primeira chance clara, num cruzamento para trás de Vardy que o japonês Shinji Okazaki finalizou por cima do gol.

Apesar do nervosismo, o Atlético aproveitou a primeira chance que teve para sentenciar a eliminatória, num centro da esquerda do brasileiro Filipe Luís que Saúl cabeceou forte, com categoria, sem chances para o goleiro dinamarquês Kaser Schmeichel.

O gol acabou sendo uma verdadeira ducha de água fria nas pretensões dos Foxes de chegarem às semifinais, já que com o gol da vitória do Atlético em Madri (1-0), o Leicester precisava balançar as redes três vezes para passar de fase.

E três gols é muito para pedir para qualquer time fazer contra o Atlético de Simeone, que não passou apuros no restante do primeiro tempo, a não ser num chute do argelino Riyad Mahrez que o goleiro eslovaco Jan Oblak foi buscar, aos 35 minutos.

- Pressão inglesa -O segundo tempo foi mais aberto, com mais chances de gol por parte de ambas as equipes. Vardy (47) e Benjamin Childwell (52) chegaram com perigo para os Foxes, enquanto o Atlético respondeu com Antoine Griezmann, que cruzou da linha de fundo e Yannick Carrasco não alcançou, mas pediu pênalti (50).

Na terceira chance que teve, o Leicester finalmente conseguiu empatar o jogo com Vardy, que pegou de primeira um rebote dentro da área, aos 16 minutos.

"Demos tudo de nós hoje, especialmente no segundo tempo, mas eles travaram muitos chutes. Apostamos no jogo aéreo com a entrada de Leo (Ulloa), mas não deu", lamentou Vardy.

Em seguida, em um lateral cobrado na área, os ingleses tiveram a chance de virar a partida, mas o chute de Ulloa foi travado pelo francês Lucas Hernández (65).

Muito recuado, o Atlético sofria para segurar o placar e outro chute de Vardy foi tirado em cima da linha por Savic (68), pouco antes do nigeriano Wilfred Ndidi aparecer livre para finalizar e chutar para fora (69).

Mahrez, em cobrança de falta direta que saiu por pouco, também teve a chance de marcar o segundo gol do Leicester e colocar fogo no jogo (76), num momento em que o Atlético mal pisava no campo adversário.

No fim, o Atlético soube segurar a pressão do desesperado campeão inglês, fazendo valer o gol de pênalti marcado pelo francês Antoine Griezmann no jogo de ida.

Com este resultado, o Atlético se classificou para as semifinais da Liga dos Campeões pela terceira vez em quatro anos e segue com chances de conquistar o título continental pela primeira vez em sua história, após as derrotas nas finais de 2014 e 2016, ambas para o arquirrival Real Madrid.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo