Esporte

Di Maria em grande fase no fim de temporada do PSG

24/04/2017 15h11

Paris, 24 Abr 2017 (AFP) - Com cinco gols nos últimos cinco jogos, o argentino Ángel di María é uma das principais armas do Paris Saint-Germain no fim desta temporada, especialmente para o duelo de semifinais da Copa da França, contra o Monaco, nesta quarta-feira.

A fase do atacante é boa, com 11 gols em 18 jogos em 2017. No total, Di María balançou as redes 14 vezes em 30 partidas, além de dar 14 passes decisivos para gol.

No ano passado, o atacante foi o melhor passador da Ligue 1, com 18 assistências no torneio, mas caiu nas quartas de final da Liga dos Campeões.

Na temporada atual, Di María começou mal e o futebol foi assombrado pelas revelações do Football Leaks, que garantiu que o argentino fez transações proibidas para paraísos fiscais.

As mudanças do sistema tático implementado pelo espanhol Unai Emery também comprometeram o desempenho de Di María.

- Graças a Draxler -"Em todos os times onde joguei, tive um rival que poderia tirar meu lugar", declarou o argentino para o Canal +, dia 9 de abril. "Acho que fiquei tranquilo demais. Quando chegou o momento, foi necessário mudar o ânimo e reagir", continuou Di María.

"Acho que não dava atenção suficiente. Foi quando Julian Draxler e Gonçalo Guedes chegaram e me dei conta que estava perdendo meu espaço. Nesse momento as coisas mudam muito", contou o atacante.

Em janeiro, a chegada do alemão pressionou a segunda contratação mais cada da história do PSG. Di María chegou em 2015, vindo do Manchester United, por 63 milhões de euros, e amargou a reserva durante algumas partidas.

A pressão de Draxler acordou Di María, que passou a se tornar decisivo nas partidas da equipe e recuperou a condição de titular. Agora quem fica no banco é o brasileiro Lucas Moura.

O argentino marcou duas vezes no jogo de ida contra o Barcelona, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Na decisão da Copa da Liga, contra o Monaco, Di María marcou um gol e deu duas assistência na vitória por 4 a 1.

Veloz e bom nos dribles, o argentino busca limpar a jogada para a perna esquerda e tenta chutar a bola de maneira colocada, o que lembra o estilo do holandês Arjen Robben.

ybl/pgr/rsc/psr/fa

SOCIETE D'EDITION DE CANAL +

MANCHESTER UNITED

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo