Esporte

Lendário Larry Bird renuncia ao cargo de presidente do Indiana Pacers

28/04/2017 16h08

Los Angeles, 28 Abr 2017 (AFP) - O lendário ex-jogador do Boston Celtics, Larry Bird, renunciou ao cargo de presidente do Indiana Pacers, menos de uma semana após sua equipe ser eliminada nos playoffs da NBA, informou nesta sexta-feira a imprensa norte-americana.

Bird, 60 anos, ocupava o cargo desde junho de 2013 e será substituído pelo atual gerente-geral da franquia, Kevin Pritchard.

O Indiana Pacers não confirmou a informação, mas o site da equipe informou que Bird realizará uma coletiva de imprensa na segunda-feira, como é tradição na NBA ao fim da temporada para se fazer um balanço do ano.

Apesar de nunca ter vestido a camisa dos Pacers, equipe de sua região natal, Bird foi técnico da equipe entre 1997 e 2000, e chegou a disputar a final da NBA no último ano, quando perdeu para o Los Angeles Lakers.

Em seguida,exerceu os cargos de presidente e direto-geral da franquia entre 2003 e 2012, quando precisou se afastar por motivos de saúde.

Voltou aos cargos um ano depois e os Pacers sempre se classificaram para disputar os Playoffs, mas sem sucesso. Nesta temporada, foram 'varridos' pelo atual campeão Cleveland Cavaliers (4-0).

Bird é a única pessoa da história da NBA a ter sido eleito Melhor Jogador, Melhor Técnico e Melhor Diretor do ano.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo