Topo

Esporte

Lavezzi nega qualquer intenção racista em fotos com olhos puxados

15/05/2017 15h35

Xangai, 15 Mai 2017 (AFP) - O argentino Ezequiel Lavezzi negou qualquer intenção racista e se desculpou publicamente através de seu clube, o Hebei China Fortune, após a publicação de fotos nas redes sociais em que imita os olhos puxados dos asiáticos.

O ex-jogador do Paris Saint-Germain, que chegou à China no ano passado, se viu envolvido em polêmica no fim de semana devido à publicação de fotos em que aparece sorridente e puxando os olhos para imitar a feição de um asiático.

"O clube falou deste assunto com o jogador, ele nos garantiu que não tinha nenhuma intenção racista em seu gesto, e pediu desculpas do fundo do coração pelo desconforto que este gesto possa ter provocado", afirmou o clube da primeira divisão chinesa em comunicado publicado neste domingo.

Segundo Ezequiel Lavezzi, as fotos tomadas durante uma sessão publicitária no início do ano eram "descontraídas" e "uma brincadeira".

Na rede social Weibo, o Twitter chinês, as fotos foram duramente criticadas por vários internautas. Alguns chegarma a pedir que Lavezzi fosse punido por seu clube ou até excluído do Campeonato Chinês.

O clube não anunciou qualquer punição contra seu jogador, que não se pronunciou diretamente sobre o assunto.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte