Esporte

Arsenal e Wenger salvam temporada com título da FA Cup

27/05/2017 16h19

Londres, 27 Mai 2017 (AFP) - O Arsenal, na possível despedida do técnico Arsène Wenger, ganhou a Copa da Inglaterra ao derrotar neste sábado o Chelsea por 2 a 1 em Wembley, com gols do chileno Alexis Sánchez e Aaron Ramsey.

Com o título da FA Cup, o 13º de sua história, o Arsenal ultrapassa o Manchester United (12) como maior vencedor da competição, enquanto Wenger, há 21 anos no comando do clube, conquistou o troféu pela 7ª vez, outro recorde.

Wenger concluiu com um troféu uma temporada ruim do clube, que não se classificou para a Liga dos Campeões pela primeira vez em 20 anos, algo que lhe rendeu enormes críticas e pressões da torcida do 'Gunners', que em diversos momentos neste ano pediu a saída do lendário técnico.

"Estou orgulhoso de ter conquistado sete Copas. Esta equipe sofreu, mas está unida e respondeu. Eu disse na semana passada que poderíamos lutar pelo título da Premier League na temporada que vem com um ou duas boas contratações", declarou Wenger.

O gol de Ramsey a onze minutos do fim do jogo recolocou o Arsenal no caminho do título, após o brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa empatar a partida para o Chelsea aos 31 do segundo tempo.

Diego Costa marcou num momento em que seu time jogava com um jogador a menos, depois da expulsão do companheiro nigeriano Victor Moses aos 23, quando tentou simular um pênalti, o que lhe valeu um segundo cartão amarelo.

Três minutos depois do gol de Diego Costa, Ramsey marcou de cabeça após cruzamento perfeito do francês Olivier Giroud, que acabava de entrar em campo.

No primeiro tempo, Alexis Sánchez abriu o placar logo aos 4 minutos num lance polêmico em que o chileno pareceu travar um chutão de David Luiz com a mão, antes de pegar o rebote e finalizar com precisão.

O árbitro chegou a anular o gol, mas por impedimento. Depois de conferência rápida com o assistente, voltou atrás e validou o lance.

Com a vitória, o Arsenal salva sua decepcionante temporada e Wenger, caso deixe o clube, se despede com um título, enquanto o Chelsea, campeão da Premier League, deixa escapar a 'dobradinha' na temporada.

"Temos uma reunião marcada com a diretoria para terça-feira. E na quarta ou na quinta tudo estará mais claro", concluiu Wenger, ao falar de seu futuro no Arsenal e se irá permanecer no clube por mais uma temporada, algo que ainda parece improvável, apesar do título deste sábado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo