Esporte

Um Messi inspirado lidera Barça rumo a 29º troféu da Copa do Rei

27/05/2017 19h15

Madri, 27 Mai 2017 (AFP) - O Barcelona se sagrou campeão da Copa do Rei ao vencer por 3 a 1 o Alavés, neste sábado na final disputada no estádio Vicente Calderón, em Madri, que sediou sua última partida oficial, com direito a show de Lionel Messi, que participou dos três gols.

Messi abriu o placar aos 30 minutos de jogo, mas Theo Hernández empatou a partida três minutos depois. Antes do intervalo, Neymar recolocou o Barça em vantagem e, aos 3 do segundo tempo, Paco Alcácer marcou o terceiro gol.

O Barça venceu pela 29ª vez a Copa do Rei, a terceira consecutiva, salvando sua temporada após a decepcionante eliminação das quartas de final da Liga dos Campeões e o vice-campeonato da Liga Espanhola.

Os catalães se mantêm como o clube com maior troféus de Copa do Rei e, para completar, fizeram uma despedida em grande estilo para o técnico Luis Enrique.

O treinador pôs fim à passagem no Barça com um nono troféu em três anos no clube.

O Alavés aguentou a pressão do Barça no primeiro tempo jogando com uma primeira linha de cinco jogadores, dificultando a troca de passes do ataque adversário, mas dois descuidos no fim da etapa deram a vitória a Messi e companhia.

O craque argentino marcou o primeiro gol após tabelar com Neymar e chutar colocado da entrada da área, sem chances para o goleiro Pacheco.

O Alavés até chegou a empatar logo em seguida com Theo, em cobrança de falta perfeita que foi morrer no ângulo de Cilessen, mas Neymar apareceu para recolocar o Barça nos trilhos.

Antes do intervalo, o brasileiro driblou dois adversários na ponta esquerda e tocou para Messi, que inverteu para Paco Alcácer. O atacante, que jogou no lugar de Luis Suárez, cruzou rasteiro na medida para Neymar empurrar para as redes.

No segundo tempo, o Alavés tentou atacar um pouco mais em busca do empate, mas acabou deixando mais espaço para os habilidosos jogadores do Barça contra-atacarem.

Assim, Messi, brilhante novamente, deixou Alcácer na cara do gol e o atacante não perdoou, marcando o terceiro gol catalão com um chute cruzado.

Pouco a pouco, o cansaço foi dificultando a situação de ambas as equipes. O Alavés tentou partir para o ataque de maneira desesperada, mas penou para criar chances de perigo.

Do outro lado, o Barça, acomodado graças à boa vantagem no placar, se limitou a manter a posse de bola, a trocar passes e a perder gols, esperando o apito final para poder oferecer um último título a seu técnico de saída.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo