Topo

Esporte

Denúncias contra Theo Hernández são arquivadas

06/06/2017 14h08

Madri, 6 Jun 2017 (AFP) - A justiça espanhola arquivou a denúncia contra o francês Theo Hernández, nesta terça-feira, depois de o zagueiro ser acusado por uma suposta agressão sexual, segundo fonte judicial.

O juizado de Marbella, balneário onde o jogador de 19 anos esteve durante as férias, "acordou sobre o arquivamento provisório do caso", indicou à AFP uma porta-voz do Tribunal Superior de Justiça da Andaluzia.

Depois de escutar as duas partes, o juizado não viu indícios de delito, precisando que a jovem ainda pode apelar da decisão.

Hernández visitou o balneário depois de boa temporada no Alavés, o que pode valer uma transferência para o Real Madrid nas próximas semanas.

A demandante, Luisa Kremleva, foi apresentada como uma "valenciana de 22 anos de origem russa" e participou do programas no canal Telecinco. Kremleva afirmou que conhece o jogador há muito tempo.

Nas redes sociais, a jovem publicou fotos de feridas nas mãos e nos joelhos, garantindo que tinha sido causadas pelo jogador. Depois, Kremleva apagou as imagens.

Theo Hernández, de 19 anos, é irmão do jogador do Atlético de Madri Lucas Hernández, que foi condenado junto com sua ex-namorada a 31 dias de trabalho comunitário, por um caso de violência doméstica mútua em fevereiro.

Os dois também precisam se manter afastados e sem se comunicar durante seis meses, culpados de "delito de maltrato em âmbito familiar".

A imprensa espanhola especula que Theo vai defender o Real Madrid na próxima temporada, em transferência cifrada entre 24 e 30 milhões de euros.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte