Esporte

Steph Curry não visitará a Casa Branca caso Warriors forem convidados

15/06/2017 12h20

Los Angeles, 15 Jun 2017 (AFP) - O astro do Golden State Warriors, o armador Stephen Curry, declarou nesta quarta-feira que, caso sua equipe seja convidada a visitar a Casa Branca devido à recente conquista do título da NBA, provavelmente não comparecerá.

"Alguém me perguntou sobre isso há alguns meses, se hipoteticamente ganhássemos o campeonato eu iria", explicou Curry. "Respondi que não iria e ainda me sinto assim".

O comentário de Curry foi feito dois dias depois dos Warriors derrotarem o Cleveland Cavaliers por 129-120 e fechar a série final em cinco jogos (4-1), conquistando seu segundo título da NBA em três anos.

É uma tradição nos Estados Unidos que as equipes campeãs visitem a Casa Branca após um título, como fez o time de basebol Chicago Cubs em janeiro, quando receberam os parabéns do então presidente Barack Obama pelo título da World Series.

Mas as políticas e declarações polêmicas do presidente eleito Donald Trump incomodaram muitos atletas profissionais, incluindo jogadores da NBA, em sua maioria negra.

Curry espera que o tema seja debatido na equipe.

"Tenho certeza de que vamos conversar sobre isso como time", declarou. "É um momento do qual precisamos aproveitar juntos e nada deve distrair a gente do que conseguimos realizar juntos".

"E os diversos tipos de cerimônias e tradições que ocorreram com as equipes que ganham o campeonato, não queremos que corrompa o que realizamos este ano", continuou.

"Lideramos com isso de maneira adequada e responsável e faremos o certo para nós individualmente e para o grupo", completou o astro.

Curry não é o único membro do Warriors que não concorda com as opiniões do presidente Trump.

"Trump não poderia ser menos apto para ser presidente, porque é um fanfarrão", declarou o técnico Steve Kerr, em maio.

"Não dá pra notar as qualidades necessárias para ser um grande líder, como a resiliência, a capacidade de se comunicar, a compaixão... Nada disso. Alguém acha que Donald Trump é um grande líder?", perguntou Kerr.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo