Esporte

Ex-astro do tênis, Boris Becker vai à falência

21/06/2017 17h43

Londres, 21 Jun 2017 (AFP) - A lenda alemã do tênis Boris Becker, de 49 anos, foi declarado nesta quarta-feira em estado de falência pessoal por um tribunal londrino, devido a uma dívida de vários milhões de euros.

Entretanto, Jonh Briggs, seu advogado, afirmou que as informações sobre a bancarrota de seu cliente "não correspondem à realidade".

Becker, por meio do advogado, foi convocado diante do tribunal de falências por uma dívida com o banco privado Arbuthnot Latham & Co. desde outubro de 2015.

A juíza Christine Derrett rechaçou fazer um acordo com o tricampeão de Wimbledon (1985, 1986 e 1987), que vive em Londres há vários anos, de conceder 28 dias suplementares para liquidar a dívida.

Briggs pediu uma última oportunidade para seu cliente, argumentando que uma declaração de falência poderia ter um efeito trágico sobre a imagem do ex-treinador de Novak Djokovic.

"Deveria ter pensado nisso há muito tempo", assinalou a juíza. "É uma dívida histórica. Temos a impressão de que tratamos com um indivíduo que escolheu a política do avestruz", acrescentou.

"Não é uma pessoa conhecedora em matéria de finanças", respondeu o advogado.

Em uma série de tuítes, Becker explicou que o caso era derivado de um empréstimo que deveria "devolver integralmente em um mês".

"Estou decepcionado que Arbuthnot Latham tenha decidido iniciar esse processo contra mim", afirmou no Twitter.

O ex-número um do mundo explicou que irá "se concentrar no trabalho", especialmente em sua atividade como comentarista da BBC no próximo torneio de Wimbledon, que começa em 13 de julho.

Becker já teve problemas judiciais por dívidas não pagas com a justiça espanhola, sobre trabalhos em sua mansão de Maiorca, e com a justiça suíça, por não ter pago o religioso que o casou em 2009.

Em 2002, a justiça alemã o condenou a dois anos de prisão sem cumprimento da pena, assim como a 500.000 euros de multa, por problemas com o fisco.

mam/cd/psr-dr/cb/mvv

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo