Esporte

México pede para torcedores pararem com gritos homofóbicos

Francois Nel/Getty Images
Torcida do México durante a partida contra Portugal Imagem: Francois Nel/Getty Images

21/06/2017 13h48

Através das redes sociais, a Federação Mexicana de Futebol (FMF) pediu para os torcedores darem fim aos gritos homofóbicos quando o goleiro rival bate o tiro de meta, nesta quarta-feira, horas antes do jogo contra a Nova Zelândia pela Copa das Confederações.

"Como você sabe, a Fifa leva com muita seriedade o grito que fazemos quando o goleiro chuta. As possíveis punições são graves. Se o comportamento continuar, o nosso esforço em campo não vai servir para nada se perdermos o jogo por isso, se suspenderem a partida ou se te expulsarem do estádio. Nós perdemos, você perde, perdemos todos", indicou a FMF.

"Sabemos que você é incondicional, confiamos em você. Juntos mudaremos a história", acrescentou o comunicado.

Na estreia contra Portugal, um pequeno grupo de torcedores gritava "Puto" cada vez que o goleiro Rui Patricio batia o tiro de meta.

A Fifa já multou a FMF oito vezes por essa situação nos estádios.

Antes da Copa das Confederações, a Fifa fortaleceu o compromisso contra a discriminação. A entidade indicou que os árbitros podem suspender temporariamente o jogo ou até cancelar a partida, quando gritos ofensivos foram identificados nas arquibancadas.

Também está instalado um sistema de vigilância, com observadores anti-discriminação.

O treinador mexicano Juan Carlos Osorio comentou a situação na coletiva de imprensa de terça-feira.

"Apesar de não ser mexicano, entendo o propósito do grito. Não tem nada a ver com homofobia", indicou o treinador.

"Certamente em outras culturas existem gritos piores, que geram violência. É tudo interpretação, algo que tem que ser administrado pela federação e pela Fifa", acrescentou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo