Esporte

Alemanha e Chile não querem surpresas contra Camarões e Austrália na Copa das Confederações

24/06/2017 11h58

Moscou, 24 Jun 2017 (AFP) - Alemanha e Chile têm tudo a seu favor para se classificar às semifinais da Copa das Confederações, neste domingo diante de Camarões e Austrália, respectivamente, que aspiram a uma vitória para quebrar os prognósticos.

Alemães, campeões do mundo, e chilenos, campeões da Copa América, podem até terminar entre os dois primeiros colocados do grupo B com derrotas, mas não querem dar chance ao azar e depender da calculadora para avançar.

Em Moscou, o técnico do Chile, Juan Antonio Pizzi, tem um dilema: jogar com força máxima pensando unicamente na Austrália ou realizar uma rotação no elenco para dar descanso aos maiores astros e evitar possíveis lesões.

O Chile, com os mesmos 4 pontos da Alemanha, precisa somente de um empate para avançar às semifinais e até uma derrota pode servir, já que a Austrália somou apenas 1 ponto.

Contudo, caso os 'Socceroos' derrotarem o Chile por uma diferença de dois gols ou mais, avançarão à próxima fase entre as quatro melhores equipes do torneio. Uma hipótese improvável, mas não impossível.

- Decisões importantes para Pizzi -No domingo, Pizzi precisará tomar decisões importantes que podem valer a permanência da 'Roja' na Copa das Confederações.

Para começar, segue com dúvidas no gol. O goleiro titular, o capitão Claudio Bravo, vem melhorando da lesão muscular que o impossibilitou de jogar nos últimos dois meses e seu substituto Jhonny Herrera cumpriu com as obrigações com perfeição nas duas primeira partidas. Mas o goleiro do Manchester City deve voltar ao time pelo menos por alguns minutos para recuperar ritmo de jogo antes de encarar as semifinais.

Outra dúvida para Pizzi é a situação do zagueiro e segundo capitão Gary Medel, que sentiu a coxa durante a partida contra a Alemanha. Embora imaginava-se que a lesão poderia ser mais séria, o 'Pitbull', como é chamado Medel, parece ter sofrido apenas uma contratura e pode estar à disposição contra a Austrália.

Três jogadores chilenos receberam cartões amarelos no torneio e, caso recebem outro contra os australianos, ficariam de fora das semifinais: Alexis Sánchez, Jean Beausejour e Gonzalo Jara.

"Será um jogo importante. Não vamos ficar esperando. Nos preparamos para ganhar, como sempre tentamos fazer", alertou o capitão australiano Mark Milligan, que considera que "o Chile é uma equipe muito boa, mas também tem fraquezas".

A 'Roja' que se cuide. Os australianos foram capazes de marcar dois gols contra a Alemanha na estreia.

Em Sochi, o técnico alemão Joachim Low tem motivos para estar satisfeito com o rendimento de sua inexperiente seleção.

- A volta dos Leões -Após mostrar grande volume de jogo ofensivo, mas carências defensivas na vitória por 3 a 2 sobre a Austrália, a jovem seleção da Alemanha mostrou prova de maturidade contra o Chile.

"Foi uma grande experiência, jogamos em alto nível", elogiou Low, orgulhoso do fato de seus comandados terem sido capazes de buscar o empate contra a forte seleção chilena.

Diante de Camarões, Low dará sequência ao plano de manter o memso esquema de jogo, mas mudando três a quatro jogadores, começando pelo goleiro. Após Bernd Leno e Marc-André Ter Stegen serem titulares nos dois primeiros jogos, será a vez de Kevin Trapp mostrar serviço. Nas semifinais, o técnico escolherá um dos três para ser o reserva imediato do intocável Manuel Neuer.

Camarões, que chegou à Copa das Confederações como surpreendente vencedor da última Copa Africana de Nações, superando favoritos como Gana, Senegal e Egito, só empatou contra a Austrália (1-1), um resultado que condena os Leões Indomáveis a vencer a atual campeã do mundo para seguir com vida na competição.

"Não vou dizer que recuperamos o grande Camarões do passado, mas os Leões Indomáveis estão voltando, essa equipe que dava medo aos adversários", alertou o capitão do time Benjamin Moukandjo à AFP.

ybl-eba/am

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo