Esporte

Chile leva susto contra Austrália, mas encara Portugal na Copa das Confederações

25/06/2017 14h47

Moscou, 25 Jun 2017 (AFP) - O Chile sofreu para se classificar às semifinais da Copa das Confederações, não conseguindo sair do empate em 1 a 1 com a Austrália, neste domingo em Moscou, mas avançando para enfrentar Portugal na próxima fase.

James Troisi abriu o placar para os australianos no primeiro tempo (42 minutos). Se sofresse mais um gol, o Chile estaria eliminado da competição, mas Martín Rodríguez acalmou os ânimos e selou a vaga chilena ao empatar no segundo tempo (68).

Com o resultado, o Chile acabou na segunda colocação do Grupo B, com 5 pontos, dois a menos que a líder Alemanha, que derrotou ao mesmo tempo Camarões (3-1).

Os chilenos, campeões da Copa América, terão pela frente um novo desafio nas semifinais: parar Cristiano Ronaldo e a seleção de Portugal, atual campeã europeia.

Embora Arturo Vidal tenha tido a possibilidade de abrir o placar logo aos 8 minutos de jogo, em chute de primeira que o goleiro Matt Ryan defendeu, o Chile foi caindo na armadilha montada pela marcação da Austrália.

Os Socceroos foram crescendo no jogo e chegaram a ameaçar o gol de Claudio Bravo, que voltou a ser titular, recuperado de lesão muscular.

No final do primeiro tempo, depois do belo gol de Troisi, com uma cavadinha por cima de Bravo, a Austrália se aproximou do segundo gol, que teria lhe valido a classificação e a eliminação do Chile, mas pecou nas finalizações.

- Chile segura pressão -A resposta chilena foi imediata e deu emoção aos últimos minutos da primeira etapa. Vidal quase empate de cabeça que a zaga afastou (45), antes e Trent Sainsbury perder gol incrível, mandando na arquibancada um chute de primeira, num momento em que estava sozinho na pequena área alemã (45+2).

O técnico do Chile, Juan Antonio Pizzi, se viu obrigado a fazer mudanças no intervalo, colocando em campo Pedro Pablo Hernández e Martin Rodríguez nos lugares de Charles Aránguiz e José Fuenzalida.

No segundo tempo, as mudanças de Pizzi surtiram efeito e, com Arturo Vidal e Alexis Sánchez assumindo o comando do jogo, a Roja melhorou, até que o empate veio com Rodríguez, aproveitando quase debaixo do gol uma cabeçada de Vargas.

A Austrália, atual campeã asiática, respondeu logo em seguida com Robbie Kruse, que apareceu cara a cara com Bravo, mas chutou para fora (62), antes de Troisi tentar num chute de fora da área que passou perto (65).

No fim, os Socceroos não encontraram forças para buscar o resultado, sendo eliminados de maneira digna da Copa das Confederações.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Esporte

Topo