Esporte

Satélites ao redor do astro CR7 ameaçam Chile

27/06/2017 15h48

Kazan, Rússia, 27 Jun 2017 (AFP) - O técnico Fernando Santos tem várias opções para escalar ao lado do capitão Cristiano Ronaldo, nesta quarta-feira, contra o Chile, pelas semifinais da Copa das Confederações.

Bernardo Silva, um dos novos sócios de CR7, não deve estar disponível, depois de torcer o tornozelo na partida contra a Nova Zelândia, mas Santos tem opções novas e antigas para rodear o astro português.

- Ricardo Quaresma, o cúmplice -Aos 33 anos, Quaresma balançou as redes apenas 6 vezes em 67 jogos pela seleção. O atacante quer aproveitar o desfalque de Bernardo para ocupar o lado direito.

Ricardo conhece CR7 desde a adolescência, quando os dois tentavam mostrar suas credenciais no Sporting de Lisboa. A cumplicidade é evidente entre os dois, perceptível nos treinos de Portugal, quando o capitão deu um tapinha carinhoso em Quaresma no início da atividade desta terça-feira.

O entrosamento ficou óbvio também dentro de campo, na partida contra o México, quando Ronaldo deu passe para o gol de Quaresma.

"É normal, é o melhor jogador do mundo. Tudo o que ele faz é fantástico", comentou Quaresma.

- Nani, sócio de longa data -Nani, de 30 anos, é o substituto histórico preferido para o lugar de CR7. São 101 jogos pela seleção e 24 gols.

Também foi formado no Sporting e teve passagens pelo Valencia e pelo Manchester United. A chegada aos Diabos Vermelhos aconteceu depois de Ronaldo pedir para Alex Ferguson a sua contratação.

A velocidade e os dribles se multiplicaram por dois com a chegada do cabo-verdiano no clube inglês.

Contra a Nova Zelândia, Nani assumiu a braçadeira de capitão depois de Ronaldo deixar o campo. Além disso, balançou a rede uma vez.

- André Silva, nova geração -Aos 21 anos, com incríveis 8 gols em 11 jogos pela seleção principal de Portugal, André Silva chegou para ficar.

Contratado pelo Milan por 38 milhões de euros para a próxima temporada, Silva pode jogar ao lado de Ronaldo em um clássico 4-4-2, como Santos tem feito nas eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2018.

"Fazer duplar com Ronaldo é um sonho de infância. Estou feliz de jogar ao lado do meu capitão", contou André no início do torneio, quando começou no banco.

Com 1,85 metros, André é forte no jogo aéreo e fez um gol contra a Nova Zelândia. Dos sete chutes, seis foram dentro do gol.

- Gelson Martins, a polivalência -Outro jovem jogador, Gelson estreou há pouco e jogou 9 partidas pela seleção principal. Ainda não fez gol, mas é importante no esquema ofensivo. Chegou a seleção em outubro de 2016 e é um atleta polivalente.

Gelson demonstrou que tem capacidade para colocar fogo nos jogos, com intensidade e técnica com a bola no pé.

Com o Sporting, marcou seis gols e deu oito assistências no último campeonato português. Santos pode guardar essa carta na manga.

ybl/chc/pm/iga/fa

SPORT LISBOA E BENFICA - FUTEBOL

MANCHESTER UNITED

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo