Esporte

Com atuação madura, jovem Alemanha goleia México e encara Chile na final da Copa das Confederações

29/06/2017 19h02

Sochi, Rússia, 29 Jun 2017 (AFP) - A Alemanha garantiu a vaga na final da Copa das Confederações contra o Chile, nesta quinta-feira, depois de vencer o México por 4 a 1, com atuação madura do jovem time e dois gols de Leon Goretzka, melhor jogador da partida.

O meia balançou a rede duas vezes no início do jogo, aos 6 e 8 minutos do primeiro tempo. Na segunda etapa, Timo Werner ampliou aos 13 minutos. Marco Fabián fez o gol de honra dos mexicanos, aos 44, mas Younes evitou qualquer reação e fechou a conta, aos 46.

A final vai ser disputada no domingo, às 15h pelo horário de Brasília. No encontro na fase de grupos, Alemanha e Chile empataram em 1 a 1.

Com os gols na partida, Werner e Goretzka se tornaram os artilheiros da competição, com 3 gols cada um.

Já o México manteve a sina e perdeu o quinto duelo em torneios oficiais com os alemães: a equipe foi derrotada por 6 a 0 na fase de grupos da Copa do Mundo de 1978, nos pênaltis nas quartas de final em 1986, nas oitavas de final em 1998 (2-1) e na partida pelo terceiro lugar da Copa das Confederações-2005 (4-3).

Restou para o México a disputa pelo terceiro lugar, contra Portugal sem Cristiano Ronaldo, às 9h de domingo.

"Acho que merecíamos mais, somos eficientes para entrar no último terço do gramado, mas não fomos eficazes. Eles venceram de maneira justa, mas o placar indica que estivemos muito distantes e não foi o caso", indicou o técnico Juan Carlos Osorio.

- Goretzka duas vezes -Com 37.923 torcedores no estádio de Sochi, o maior público da competição, esperava-se um duelo equilibrado entre as duas equipes. Mas a Alemanha entrou mais concentrada em campo, pressionando muito a saída de bola do adversário.

No entanto, foi no contra-ataque que o time europeu conseguiu o primeiro gol do jogo, aos 6 minutos, com Goretzka. O meia iniciou a jogada e abriu a bola na direita para Henrichs, que devolveu na entrada da área para o jogador bater de primeira no canto de Ochoa.

Dois minutos depois, o atacante Werner saiu da área para dar passe decisivo nas costas da zaga e encontrar Goretzka livre mais uma vez. O jogador do Schalke 04 não perdoou e fez mais um, batendo na saída do goleiro.

Disperso, o México não se encontrava em campo e os alemães tiveram muitas chances de ir para o vestiário com um placar mais extenso. Mas os comandados de Low diminuíram o ritmo e começaram a apostar nos contra-golpes.

Sentado na vantagem, a Alemanha relaxou e o México esboçou reação ainda no primeiro tempo. Ter Stegen fez belas defesas aos 33 e 35 minutos.

- Jovem maturidade alemã -No segundo tempo, o México precisava buscar o resultado e colocou o time pra frente. A Alemanha manteve a estratégia depois dos gols e esperou as chances de contra-ataque. O jovem time europeu, com média de idade de 24 anos, demonstrou bastante maturidade para administrar o resultado.

Mas a equipe não estava satisfeita e queria ampliar a vantagem para não ter problemas. Aos 13 minutos, Jonas Hector invadiu a área, depois de passe de Julian Draxler, e tocou para Werner fazer o terceiro gol do jogo.

A melhor jogada dos mexicanos foi aos 29 minutos, em penetração pelo lado esquerdo. A bola foi alçada na área e Jiménez cabeceou no travessão de Ter Stegen.

Sem muitas alternativas e com o relógio andando rapidamente, o time do México começou a apelar para bolas alçadas na área e tentativas de fora da área. Numa delas, Marco Fabián acertou belo chute e a bola morreu na gaveta de Ter Stegen, aos 44 minutos.

Na sequência, para evitar qualquer tipo de reação, Younes fez o quarto da Alemanha, aos 46. Emre Can deu passe na esquerda e deixou o meia livre para tocar na saída de Ochoa e garantir a vaga na final.

O brasileiro Sandro Meira Ricci comandou a vídeo-arbitragem (VAR) na partida, mas o recurso não precisou ser utilizado desta vez.

fa

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo