Topo

Esporte

Murray desiste de exibição pré-Wimbledon por dores no quadril

29/06/2017 11h01

Londres, 29 Jun 2017 (AFP) - O britânico Andy Murray, tenista número 1 do mundo, desistiu nesta quinta-feira de disputar uma partida de exibição prevista para sexta devido a dores no quadril, a quatro dias do início do torneio de Wimbledon, do qual é o atual campeão.

O escocês, 30 anos, que na quarta-feira foi escolhido como primeiro cabeça de chave do Grand Slam londrino, explicou que o melhor remédio para as dores é descansar.

"Infelizmente, não estarei pronto para jogar em Hurlingham amanhã (30), ainda tenho dores no quadril e preciso descansar", anunciou o tenista.

Na semana passada, Murray foi protagonista da zebra do tradicional torneio de Queen's ao perder na estreia para o australiano Jordan Thompson (90º do mundo), em seu primeiro jogo sobre grama na temporada.

Segundo a imprensa britânica, o tenista não participou das sessões de treino previstas para esta quinta-feira em Wimbledon.

Na terça, o britânico já havia renunciado de disputar outra partida de exibição contra o francês Lucas Pouille.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte