Esporte

Dinheiro da TV: Campeonato Francês sonha em seguir exemplo espanhol

30/06/2017 11h12

Cannes, França, 30 Jun 2017 (AFP) - A Ligue 1 não conta com os dribles de Messi, nem com o prestígio do Real Madrid. Mas para aumentar as receitas de transmissão, tanto na França como internacionalmente, os dirigentes pediram ajuda ao chefão da influente La Liga espanhola, Javier Tebas.

"Eles trabalham nisso há muitos anos e contam com clubes como o Real, o Barça... Estamos em dois mundos diferentes", admitiu o presidente do conselho do clube da 1ª divisão francesa Saint-Etienne, Bernard Caiazzo. "Mas é vendo o estão fazendo os melhores, é claro, que a gente pode melhorar".

E em matéria de desenvolvimento econômico do futebol, os resultados do Campeonato Espanhol são de fazer salivar os dirigentes franceses. Para o período 2016-19, La Liga aumentou suas receitas com televisão a 885 milhões de euros por ano, um resultado impressionante, mas ainda longe dos 2,3 bilhões de euros que a Premier League inglesa arrecada a cada temporada.

Mas, nos direitos de retransmissão internacionais, La Liga acompanha de perto os rivais ingleses (700 milhões por temporada, contra 1 bilhão da Premier League).

- 'Todos queriam me matar' -É 10 vezes mais que a Ligue 1, que cedeu seus diretos de retransmissão no exterior à emissora beIN Sports por 80 milhões de euros anuais para o período 2018-2024.

Além do elenco dos sonhos do Campeonato Espanhol, qual o segredo para tanto sucesso?

Começa com horários acessíveis nos quatro cantos do mundo, como nos mercados asiático e americano. Por exemplo, o primeiro clássico da última temporada entre Real e Barça foi transmitido às 15h15, horário espanhol, para que pudesse estar no "prime-time" do dinâmico mercado chinês e, ao mesmo tempo, não fosse cedo demais nos Estados Unidos.

"Foi uma revolução na Espanha, todo o mundo queria me matar, dos torcedores do Las Palmas aos do Bilbao, passando pela diretoria do Real Madrid, todos!", recorda Tebas, diante dos presidentes e donos dos clubes do Campeonato Francês, reunidos em Cannes pelo sindicato de clubes profissionais da França.

A Ligue 1, que lançou um plano estratégico 2017-2022 para tirar o atraso nesse campo, prevê agendar uma partida às 13h00, horário de Paris, em dezembro. Mas, como a emissora Canal Plus, detentora dos direitos de transmissão na França, segue "muito apegada ao horário de domingo à noite", a partida das 13h ainda não poderá ser o jogo de maior destaque da rodada.

- 'Embaixadas' e padronização -Outra ideia: a criação de uma rede de "embaixadas" com 10 escritórios no mundo (México, Nova York, Joanesburgo, Abuja, Dubai, Nova Deli, Pequim, Xangai, Singapura, Barcelona). Já a LFP, representante da federação francesa de futebol (FFF), inaugurou sem primeiro escritório no exterior em fevereiro deste ano, na China.

O Campeonato Espanhol está sempre antenado e conta com cerca de 50 jovens encarregados de "localizar e recrutar" em cada país grandes agentes influenciadores nas redes sociais "para que falem bem da Liga".

O plano espanhol também aposta numa "boa decoração", com a melhora da aparência do produto vendido aos olhos dos consumidores. "Há 3 anos, a 'decoração' era feia. Os gramados não eram da mesma cor de um estádio a outro. Fizemos uma homogeneização para criar um padrão", explicou Tebas.

É justamente esse ponto que desperta a admiração do diretor-geral da LFP, Didier Quillot: "Se quisermos que os direitos de TV aumentam internacionalmente, é preciso que o telespectador na Malásia, nos Estados Unidos ou na África diga: 'Olha, essa é a Ligue 1, reconheço o produto'".

"Seremos inconvenientes, vamos colocar a taxa de ocupação (dos estádios) entre os critérios para que um clube receba parte da receita dos direitos audiovisuais a partir do ano que vem", garantiu Didier Quillot, incomodado com a dificuldade dos clubes de lotar seus estádios.

"Eu, que vendi celulares em grande escala, sei que a embalagem é tão importante quanto o produto", completou o ex-diretor da companhia telefônica Orange France, "muito consciente e lúcido sobre o atraso" do Campeonato Francês nesse campo.

yk/cda/am

SOCIETE D'EDITION DE CANAL +

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo