Esporte

Murray "espera" poder defender título de Wimbledon

30/06/2017 15h24

Londres, 30 Jun 2017 (AFP) - O britânico Andy Murray, tenista número 1 do mundo, mas que sofre com dores no quadril, afirmou "esperar" poder defender o título de Wimbledon a partir desta segunda-feira, após treino realizado nas quadras do Grand Slam londrino, nesta sexta.

"Eu espero que sim, esse é o objetivo", respondeu Murray à imprensa, ao ser perguntado sobre se estaria em quadra para encarar o cazaque Alexander Bublik, na estreia em Wimbledon.

"Treinarei novamente mais tarde. Eu só fiz um treino leve de manhã para ver como eu me sinto", continuou o escocês, em quadra por cerca de 90 minutos.

"Diferentemente de Paris (Roland Garros), ele está batendo bem na bola. O treino foi bom", garantiu seu técnico, Ivan Lendl.

As incertezas sobre a situação de Andy Murray cresceram na terça-feira, quando o número 1 do mundo desistiu de participar de uma partida de exibição em Londres devido a dores no quadril.

Eliminado de maneira surpreendente na semana passada na estreia em Queen's, o escocês de 30 anos disputou dois jogos de exibição em Hurlingham Club, em preparação para a temporada na grama.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Esporte

Topo